GP1

Hospitais suspendem atendimento aos usuários do IASPI/PLAMTA

O presidente do sindicato, Jefferson Clerke Lopes Campelo, pede que todos os filiados paralisem os atendimentos.

RAISA BRITO

12/10/201711h52

O Sindicato dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde e Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Estado do Piauí (SINDHOSPI) suspendeu, nesta quarta-feira (11), o atendimento aos usuários do Iaspi Saúde (Iapep) e ao Plamta.

Durante audiência pública no Ministério Público Estadual, no dia 4 deste mês, que contou com a presença do IASPI e Secretaria de Fazenda, ficou estabelecido que a categoria iria esperar até o dia 10 de outubro para que o pagamento referente ao mês de julho dos prestadores fosse efetivado e que em caso de descumprimento, os hospitais iriam paralisar suas atividades no dia 11.

Em ofício, o sindicato afirma que o IASPI vem reiteradamente descumprindo o cronograma de pagamentos dos prestadores de serviços, tendo o SINDHOSPI travado, durante todo o ano de 2017, uma franca negociação com a gestão dos órgãos.

“No entanto não tivemos um retorno efetivo destes quanto ao adimplento da fatura de julho de 2017 dentro do prazo”, diz ofício.

O presidente do sindicato, Jefferson Clerke Lopes Campelo, pede que todos os filiados paralisem os atendimentos.

Confira abaixo o ofício na íntegra

  • Foto: DivulgaçãoHospitais suspendem atendimento aos usuários do IASPI/PLAMTAHospitais suspendem atendimento aos usuários do IASPI/PLAMTA

Hospital São Marcos

O Hospital São Marcos também comunicou, nesta quarta-feira (11), que os atendimentos aos usuários do IASPI/PLAMTA estavam suspensos.

Mais conteúdo sobre: