HERBERT SOUSA

Governador Wellington Dias deve exigir fidelidade dos deputados do PP

12/08/2020 14h45 - atualizado 14h51

O governador Wellington Dias (PT-PI) deve colocar as barbas de molho e exigir declarações públicas de apoio ao seu projeto político, por parte dos deputados progressistas que abandonaram o senador Ciro Nogueira (PP-PI) e resolveram permanecer no governo.

Sem janela partidária para que possam mudar de partido agora e assim demonstrar “toda fidelidade” a Wellington Dias, os deputados estaduais Firmino Paulo, Wilson Brandão, Hélio Isaías, B.Sá Filho e a deputada federal Margarete Coelho, deverão fazer rotineiramente “juras de amor eterno” ao chefe do Palácio de Karnak.

  • Foto: GP1Firmino Paulo, Wilson Brandão, Hélio Isaías, B.Sá Filho e a deputada federal Margarete CoelhoFirmino Paulo, Wilson Brandão, Hélio Isaías, B.Sá Filho e a deputada federal Margarete Coelho

Toda a prudência se faz necessária, uma vez que, é totalmente cômodo para Ciro Nogueira romper politicamente com o governador Wellington Dias, mas manter seus "ex-aliados" acomodados na base governista.

Para estes deputados "rebeldes" do PP é mais que conveniente continuar desfrutando do governo, sem oferecer nada em troca.