Chaval - CE

Acusado de explodir bancos é preso após fazer família refém em Cocal

Conforme o secretário de Segurança Pública, Fábio Abreu, o indivíduo estava escondido em um matagal e utilizou um fuzil para render a família.

Nayrana Meireles
Teresina
07/05/2019 07h35 - atualizado 07h58

Mais um acusado de explodir duas agências bancárias em Campo Maior foi preso. Desta vez, em Chaval, município do Ceará que faz fronteira com o Piauí. A prisão foi realizada no fim da noite desta segunda-feira (06). Até o momento oito acusados foram mortos e outros cinco foram presos.

Conforme o secretário de Segurança Pública, Fábio Abreu, antes de ser preso, o acusado, identificado como Pedro Henrique de Oliveira Moura fez uma família refém próximo a Cocal. "O indivíduo estava escondido no matagal e utlizou o fuzil que estava portando para render uma família que estava em um veículo Fiat Estrada. Ele os obrigou a levá-lo em direção ao Ceará", relatou.

  • Foto: Divulgação/SSPPIPedro Henrique, acusado de explodir agências em Campo MaiorPedro Henrique, acusado de explodir agências em Campo Maior

A Força Tarefa de Segurança Pública então foi comunicada sobre o sequestro e acionou as guarnições. "Nós comunicamos todas as unidades e fizemos um cerco. Quando eles chegaram próximo a divisa com o Ceará foram abordados por uma equipe e conseguimos efetuar a prisão de mais esse indivíduo", completou.

A família foi liberada e não se feriu. Pedro Henrique é natural de Minas Gerais e estava portando um fuzil. Ele é o sexto preso, acusado de explodir duas agências bancárias em Campo Maior. A Força-Tarefa da Secretaria de Segurança Pública segue em diligências em busca de mais acusados.

Relembre o caso

Na última terça-feira (30), criminosos fortemente armados explodiram duas agências bancárias no centro de Campo Maior. Aproximadamente 15 homens entraram nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, explodiram os bancos e, em seguida, se dirigiram aos cofres, de onde levaram o dinheiro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Piauiense contratou quadrilha de MG para roubar bancos em Campo Maior

Polícia mata nono acusado de explodir bancos em Campo Maior

Divulgados nomes dos mortos acusados de explodir bancos em Campo Maior

Decretada preventiva dos acusados de roubar bancos em Campo Maior