Timon - MA

Acusado de manter grávida em cárcere privado é preso em Timon

Durante a abordagem policial, o homem entrou em luta corporal com o delegado que sofreu uma lesão no braço, mas sem gravidade. O acusado foi preso em flagrante.

Jeyson Moraes
Teresina
25/10/2020 17h02 - atualizado 17h59

Um homem identificado pelas iniciais H.M.S., de 30 anos, foi preso acusado de agredir a própria companheira grávida na manhã deste domingo (25), no Parque Alvorada, em Timon. O suspeito ainda reagiu à prisão e acabou lesionando o braço de um delegado durante a abordagem policial.

Segundo a Polícia Civil do Maranhão, a prisão do acusado foi efetuada após denúncias anônimas de que uma mulher, gestante de 4 meses, estava em cárcere privado e sofrendo agressões do próprio companheiro. O denunciante ainda informou que a vítima passou toda a madrugada deste domingo pedindo socorro.

  • Foto: Alef Leão/GP1Central de Flagrantes de TimonCentral de Flagrantes de Timon

Diante da denúncia, o delegado de plantão e investigadores foram até o local informado. Ao chegarem na residência, os policiais encontraram a mulher com lesões graves em todo o corpo e resolveram prender o acusado em flagrante.

Ao receber a voz de prisão, H.M.S resistiu a abordagem e travou luta corporal com o delegado, causando uma lesão leve no braço do policial. Logo em seguida, o acusado foi imobilizado e algemado.

Ele foi preso e conduzido para a Central de Flagrantes de Timon, onde foi autuado pelos crimes de lesão corporal em violência doméstica contra a companheiro e por resistência a abordagem policial.

Mais conteúdo sobre: