Parnaíba - PI

Assessor do prefeito Mão Santa é preso na cidade de Parnaíba

O superintendente foi levado para a Central de Flagrantes da Delegacia Regional de Parnaíba onde foi autuado por infração aos artigos 306 e 309 do Código de Trânsito Brasileiro.

Gil Sobreira
Teresina
13/07/2020 12h44 - atualizado 13h52

O Superintendente de Comunicação da Prefeitura de Parnaíba e assessor do prefeito Mão Santa, jornalista Bernardo Silva, foi preso em flagrante na tarde ontem (12) pela Polícia Militar após se envolver em acidente na Rua Itauna, no bairro Frei Higino, em Parnaíba.

Bernardo Silva, segundo os militares que fizeram a prisão, dirigia completamente embriagado e sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

  • Foto: Reprodução/FacebookBernardo Silva e Mão SantaBernardo Silva e Mão Santa

Ao ser abordado pelos policiais do 2º Batalhão da Polícia Militar, o jornalista desacatou a guarnição e passou a ofendê-los com palavras de baixo calão. Ele foi levado para a Central de Flagrantes de Parnaíba e autuado por infração nos artigos 306 (conduzir veículo automotor, na via pública, sob a influência de álcool) e 309 (dirigir veículo sem habilitação) do Código de Trânsito Brasileiro. Logo depois Bernardo Silva acabou sendo solto, depois de pagar fiança de R$ 3 mil, arbitrada pelo delegado Rodrigo Mello Marinho.

  • Foto: Polícia MilitarAuto de prisãoAlvará de soltura

O jornalista se comprometeu a comparecer perante a autoridade policial todas as vezes que for intimado para os atos do inquérito e instrução criminal e também não poderá mudar de residência.

Caso seja condenado, poderá pegar de seis meses a três anos de detenção, multa e suspensão ou proibição de obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.