Teresina - PI

Audiência de acusados de matar jovem no Santa Fé acontece na segunda

No final da audiência o juiz vai decidir se os três serão julgados pelo Tribunal Popular do Júri ou não.

Davi Fernandes
Teresina
24/10/2020 11h53 - atualizado 12h33

Vai ocorrer na próxima segunda-feira (26), a audiência de instrução e julgamento de Valdino de Morais, Weslley Henrique Silva Ferreira Nunes e Pedro Henrique Rodrigues da Silva, acusados de assassinar Adson Yudi da Silva, 24 anos, com quatro disparos de arma de fogo, no dia 20 de fevereiro deste ano, no Conjunto Santa Fé, zona sul de Teresina.

Ao final da audiência, que será realizada no Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Sousa Neto, o juiz vai decidir se os três serão julgados pelo Tribunal Popular do Júri ou não.

No dia do crime, segundo o capitão Sousa Lima, comandante da 2ª Companhia Independente de Policiamento Militar do Promorar, a equipe recebeu a informação sobre o caso e quando chegou ao local Adson já havia sido socorrido e encaminhado por populares para a Unidade de Pronto Atendimento do Promorar (UPA).

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o crime foi caracterizado como um acerto de contas. A vítima possuía passagens na polícia pelos crimes de roubos, que ocorreram na zona leste de Teresina. Mesmo sendo socorrido e levado para atendimento médico, Adson não resistiu aos disparos de arma de fogo e morreu momentos depois de ser atingido.

No dia 31 de julho, a denúncia foi recebida pelo juiz Danilo Melo de Sousa, da 1ª Vara do Tribunal Popular do Júri.

NOTÍCIA RELACIONADA

Homem é executado com quatro tiros no Conjunto Santa Fé

Mais conteúdo sobre: