Floriano - PI

Audiências públicas vão discutir o cultivo de soja no Sul do Piauí

A audiência será realizada às 18h no auditório do Hotel Parnaíba, situado na Av. Dr. José Ribamar Pachêco, em Floriano.

05/12/2018 20h37 - atualizado 20h37

A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e de Recursos Hídricos (Semar) realiza, nesta quinta-feira (6), às 18h, no auditório do Hotel Parnaíba, situado na Av. Dr. José Ribamar Pachêco, 156 - Cancela, Floriano (PI), audiência pública para discussão do Estudo de Impacto Ambiental – EIA e respectivo Relatório de Impacto Ambiental (Rima) para o licenciamento ambiental dos empreendimentos destinados ao cultivo agrícola de soja (Glycine max L.), no município de Uruçuí, e para o plantio de espécies florestais na microrregião de Floriano, de responsabilidade da empresa Companhia Florestal do Brasil S.A.

De acordo com o secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Robério Barros, a audiência será realizada em atendimento à legislação ambiental pertinente. Ele acrescenta ainda que, em atendimento ao disposto no art. 11, da Resolução Conama nº 001/86, se encontra à disposição para consulta, cópia do Relatório de Impacto Ambiental (Rima) do referido empreendimento nos locais relacionados a seguir: na Superintendência de Meio Ambiente da Semar, situada à Rua 13 de Maio, nº 307, 4º andar, Centro/Norte, na cidade de Teresina/PI e na sede das Prefeituras Municipais dos municípios de Uruçuí, Canavieira, Floriano, Itaueira, Jerumenha, Nazaré do Piauí e Pavussu-PI.

Outra audiência pública será ralizada na próxima sexta-feira (07/12), às 18h, no auditório do Hotel Fórmula Flat, situado na Av. Boa Safra, S/N, - Loteamento Novo, Uruçuí (PI). O empreendimento prevê o cultivo agrícola de soja (Glycine max L), em área de efetivo plantio correspondente a 14.908,70 hectares, no município de Uruçuí, e o plantio de 6.500,00 hectares por ano de espécies florestais na microrregião de Floriano, distribuídas em propriedades situadas nos municípios de Canavieira, Floriano, Itaueira, Jerumenha, Nazaré do Piauí e Pavussu, totalizando 61.077,60 hectares de efetivo plantio.

A Companhia Florestal do Brasil S.A busca criar, na microrregião de Uruçuí e na microrregião de Floriano, uma base agrícola comercial capaz de abastecer o mercado local e regional, além de uma base florestal capaz de sustentar indústrias do setor por meio do estabelecimento, cultivos que contribuam ao desenvolvimento sustentável, à integração de atividades produtivas à proteção e conservação do meio ambiente; e a geração de recursos, empregos e impostos para alavancar a economia do Estado do Piauí e dos municípios inseridos na área de abrangência.

Mais conteúdo sobre: