Teresina - PI

Bandidos invadem transportadora e fazem funcionário refém em Teresina

Os criminosos obrigaram o homem a dirigir um veículo carregado de eletrodomésticos que seriam roubados.

Nathalia Carvalho
Teresina
20/09/2020 11h41 - atualizado 11h43

Durante a madrugada deste domingo (20), uma quadrilha de pelo menos seis integrantes, invadiu o pátio de uma transportadora que fica no bairro Angelim, zona sul de Teresina, e levou um caminhão carregado de eletrodomésticos mantendo ainda um motorista como refém.

Conforme informações do comandante do CPU da Rone, capitão Geovanei Mota, por volta das 4h30 o grupo fez um buraco no muro da transportadora e conseguiu ter acesso ao pátio onde estavam o caminhão e o motorista. Nesse momento, os criminosos renderam o funcionário e o obrigaram a conduzir o veículo até o local desejado.

  • Foto: Divulgação/RONEDois veículos de passeio apreendidos e o caminhão carregado de eletrodomésticos.Dois veículos de passeio apreendidos e o caminhão carregado de eletrodomésticos.

“Eles chegaram em um veículo Voyage de cor branca, desceram e fizeram um arrombamento no muro, a partir daí tiveram acesso ao pátio e pegaram o último caminhão que tinha lá, renderam o motorista para fugirem com o caminhão. Saíram da transportadora rumo à zona norte, recebemos a notificação e passamos a monitorar o veículo”, informou o capitão.

Os criminosos deram ordem de parada em uma estrada vicinal que fica depois da ponte do Mocambinho, próximo à subestação da Nova Teresina. Lá um outro veículo, além do Voyage branco, aguardava para fazer a transferência da mercadoria de eletrodomésticos.

“Conseguimos fazer a interceptação deles em uma estrada que dá acesso a uma subestação no Mocambinho, eram cerca de 6 indivíduos, lá eles pararam o veículo e estavam colocando os eletrodomésticos do caminhão dentro dos carros menores. Perceberam a presença da polícia chegando e correram, abandonaram a vítima e deixaram para trás os dois veículos e a mercadoria. Tinha geladeira, máquina de lavar, diversos aparelhos, mas eles tinham como alvo os aparelhos menores como celulares, já tinham até enchido boa parte dos carros com o material”, disse.

O outro carro que chegou para dar suporte era um Ônix de cor prata, ele havia sido tomado de assalto na capital há 4 meses e as placas de identificação não eram as originais. O legítimo proprietário foi acionado para restituição do bem.

O proprietário da transportadora também foi acionado para restituição da mercadoria. O motorista passa bem e foi ouvido na Central de Flagrantes de Teresina. As investigações ficarão a cargo da Polinter, ainda não se sabe o paradeiro dos bandidos.

Mais conteúdo sobre: