Saúde

Bebê de três meses morre no Ceará com novo coronavírus

Família da criança se encontra assintomática e em isolamento social, mas ainda não realizou testes.

Por  Estadão Conteúdo
06/04/2020 21h11

Uma bebê de três meses de idade diagnosticada com o novo coronavírus morreu na última sexta-feira, 3, no Ceará. A criança apresentava sintomas semelhantes à gripe e deu entrada em um hospital em Iguatu, a 380 km de Fortaleza, no dia 30 de março, onde faleceu em decorrência de complicações como bronquiolite e pneumonia.

Os primeiros sintomas da bebê surgiram no dia 5 de março. Ela foi encaminhada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e voltou para casa com recomendação de antialérgicos e vitaminas para realizar tratamento. No dia 11, a família viajou para Fortaleza para levá-la ao Hospital Albert Sabin, onde fazia acompanhamento médico por ser portadora da Síndrome de Bartter, condição genética nos rins que afeta a taxa de potássio no sangue. Na capital, ela ficou em casa de familiares, evitando contato social.

Ao chegar em Iguatu, a criança começou a apresentar maiores dificuldades para respirar e foi novamente levada à UPA. Com piora do quadro foi internada no hospital em que faleceu. Exame que detectou o covid-19 foi realizado no dia do falecimento por meio de secreções.

Conforme o secretário municipal de saúde de Iguatu, Georgy Xavier, a suspeita é que a criança tenha se contaminado com o vírus na viagem para Fortaleza, já que a capital apresenta maior número de casos. Além do óbito, o município apresenta outro caso confirmado de covid-19 e 18 casos suspeitos. Ele aponta que a morte da criança pode não ter sido necessariamente em decorrência do vírus, devido aos problemas de saúde que ela enfrentava desde o nascimento. "A gente acha que ela não morreu do corona, mas morreu com corona", reitera.

A família da criança se encontra assintomática e em isolamento social, mas ainda não realizou testes para saber se estão infectados pelo vírus. "Eles estão isolados em casa e sendo acompanhados pela equipe epidemiológica", garante o secretário. Ele afirma que o município está esperando testes do governo do estado que devem chegar até o final desta semana para poder realizar os diagnósticos. O secretário se solidariza com a família e não divulga os nomes.

Conforme o último boletim emitido pela Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa-CE), o estado apresenta 1.023 casos da doença e 31 mortos.

Mais conteúdo sobre: