São Paulo - SP

Brasil tem 433 casos suspeitos de coronavírus

A maioria dos casos suspeitos está em São Paulo, com 163, em seguida vem Rio Grande do Sul, com 73, e em terceiro, Minas Gerais, com 48. 

Por  Estadão Conteúdo
02/03/2020 17h01 - atualizado 17/03/2020 10h49

O número de casos suspeitos pelo novo coronavírus no Brasil aumentou de 252 para 433, e a maioria deles se concentra em São Paulo. A informação foi divulgada pelo Ministério da Saúde, em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira, 2. O País segue com dois casos confirmados, de um homem de 61 anos e outro de 32, os dois de São Paulo.

Das notificações suspeitas, 162 foram descartadas. A maioria dos casos suspeitos está em São Paulo, com 163, em seguida vem Rio Grande do Sul, com 73, e em terceiro, Minas Gerais, com 48.

A partir desta segunda-feira, o Ministério da Saúde seguirá um novo fluxo de consolidação dos dados relativos aos casos de coronavírus no País, adotando integralmente os dados repassados pelas secretarias estaduais. Assim, haverá uma descentralização da consolidação dos casos, com o objetivo de dar agilidade de resposta à doença.

Antes, as notificações feitas pelos Estados eram reanalisadas pela equipe do Ministério da Saúde. Esses ajustes no novo fluxo dos dados estão sendo feitos neste final de semana.

O ministério anunciou que a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) irá produzir e distribuir 10 mil testes a partir de quarta-feira, 4, para diagnóstico do novo coronavírus. O laboratório ainda fará na semana seguinte outros 12 mil testes, além de outros 3 mil para contraprova e controle de qualidade. Ainda serão distribuídos 5 mil exames para influenza A e B.

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira, reforçou que o Brasil "está preparado" para lidar com o surto. Ele disse ainda que pessoas que retornam de viagens a países em alerta para a doença, se não tiverem sintomas do Covid-2019, não devem deixar de ir ao trabalho ou escola. “É óbvio que se sentir um mal estar deve se recolher.”

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Latam suspende voos para Milão por causa da propagação do coronavírus

Com registro em 62 países, OMS diz que é possível desacelerar coronavírus

Brasil já tem 252 casos suspeitos de coronavírus