Alegrete do Piauí - PI

Câmara de Alegrete do Piauí nega bloqueio de conta pelo TCE

De acordo com a nota, a Câmara Municipal de Alegrete só possui conta corrente, e possivelmente a citação no site do TCE-PI tenha sido um erro.

Fábio Wellington
Teresina
06/02/2020 20h03 - atualizado 20h55

A Câmara Municipal da cidade de Alegrete do Piauí, localizada a 396 km de Teresina, enviou nota de esclarecimento ao GP1 na tarde desta quinta-feira (06), negando que o Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) tenha bloqueado a conta do órgão legislativo.

De acordo com a assessoria de comunicação da Câmara, o órgão foi incluído indevidamente na lista do TCE, já que estão cobrando um extrato de uma conta de aplicação inexistente.

A nota ressalta que na última lista disponibilizada pelo Tribunal de Contas do Estado não consta mais a Câmara de Alegrete na lista de bloqueios.

Ainda conforme a assessoria da Câmara Municipal de Alegrete, o órgão só possui conta corrente, e possivelmente a citação no site do TCE-PI tenha sido um equívoco.

Confira a nota na íntegra:

A Câmara Municipal de Alegrete do Piauí esclarece que está na lista do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), indevidamente, pois estão cobrando um extrato de uma conta aplicação que nunca existiu. A Câmara só disponibiliza de uma única conta, que é a corrente. Acreditamos que tenha sido um erro do TCE, a citação de Câmara de Alegrete. Inclusive na última atualização que saiu no site do Tribunal, não constava a Câmara na Lista de bloqueio.