Teresina - PI

Candidatos a prefeito de Teresina participam de debate no Simepi

O debate aconteceu no auditório do SIMEPI para um número restrito de pessoas, mas foi transmitido pelo canal da entidade na plataforma YouTube.

Wanessa Gommes
Teresina
15/10/2020 21h34 - atualizado 21h34

O Sindicato dos Médicos do Piauí (Simepi) realizou, na noite desta quinta-feira (15), debate com quatro dos treze candidatos a prefeito de Teresina definidos levando em consideração a pesquisa do Instituto Amostragem, divulgada no dia 22 de setembro.

Participaram do debate, Dr. Pessoa (MDB), Fábio Abreu (PL), Kleber Montezuma (PSDB) e Major Diego (Patriota). Fábio Novo (PT) também foi convidado, mas não compareceu alegando indisposição.

  • Foto: GP1Dr. Pessoa (MDB), Fábio Abreu (PL), Kleber Montezuma (PSDB) e Major Diego (Patriota)Dr. Pessoa (MDB), Fábio Abreu (PL), Kleber Montezuma (PSDB) e Major Diego (Patriota)

O debate aconteceu no auditório do SIMEPI para um número restrito de pessoas, mas foi transmitido pelo canal da entidade na plataforma YouTube.

Planejamento para a saúde

Inicialmente todos os candidatos responderam sobre quais são as propostas em relação ao planejamento para a saúde. Em sua fala, Dr. Pessoa disse que a saúde já estava em marcha lenta antes da pandemia e o que já era um caos agora ficou constatado mais ainda esse caos.

“Precisamos rever a situação dos profissionais da área de saúde, salários ruins que o colega médico tem que correr diuturnamente para ter um salário mais signo. Eu deixo como proposta inicial que, sendo eleito vou implantar plano da Fenam (Federação Nacional dos Médicos) porque esse descaso com esses profissionais não pode continuar, vamos qualificar os hospitais, ampliar e vamos também construir o Hospital do Idoso e o Hospital da Mulher”, afirmou.

Major Diego criticou as gestões do prefeito Firmino Filho e do governador Wellington Dias e destacou que o problema da pandemia que, segundo ele, “passamos por um momento muito difícil onde muitos piauienses morreram porque não tiveram acesso à saúde”.

Kleber Montezuma destacou as medidas tomadas pela Prefeitura de Teresina para o combate ao coronavírus afirmando que “foram necessárias, duras, mas importantes”. “A prefeitura de Teresina seguiu rigorosamente o que recomendou a ONU e por isso é que Teresina, diferentemente de outras capitais, teve resultados melhores”, declarou.

“Vou fortalecer nosso sistema de saúde, o professor Kleber aprendeu e se sente preparado para fazer um choque de gestão no sistema da saúde e vamos dialogar com todos os seguimentos da saúde, vamos implantar Hospital da Mulher e da Criança em Teresina, faremos nosso governo com diálogo”, garantiu.

Fábio Abreu falou da burocracia excessiva no Brasil que prejudica de sobremaneira a saúde de Teresina. “Para que possamos melhorar, nós precisamos desburocratizar, precisamos nos utilizar da informática, da tecnologia. Com relação aos profissionais, precisamos valorizar e humanizar, estrutura física aos profissionais que cumprem a sua jornada e que precisa de um local de descanso, têm local inadequado, porque a humanização parte desse tratamento, parte também da valorização financeira e salarial a todos os profissionais da saúde”, declarou.

“Precisamos melhorar mais ainda ao sistema SUS que se tornou um dos mais eficiente no período de pandemia, vamos conversar com a classe para que possamos tomar decisões”, disse Fábio Abreu.

Compromisso com a carreira médica

O candidato Fabio Abreu foi o sorteado para responder sobre o compromisso com a carreira médica, incluindo promoções e progressões em dias. Ele reforçou que é preciso, antes de tudo, dialogar com a categoria.

“Temos conhecimento de demandas, principalmente, referente a essas questões de progressões e promoções, além da correção de tabelas. Observamos com relação a essa reivindicação principal é que qualquer gestor, principalmente, ao iniciar uma gestão, ser bem realista quanto a situação financeira por qual passa a nossa sociedade, principalmente as nossas instituições, precisamos conversar para que possamos tomar essas decisões, qualquer promessa de aumento salarial, de acordo com as reivindicações, seria precipitação. A realidade de quem quer ser gestor é o diálogo, de sentar a mesa conversar”, respondeu.

Realização de concursos

Em relação à realização de concursos, o sorteado foi o Major Diego, que garantiu que, no próximo ano, vai fazer uma avaliação. “Vamos realizar, em 2021, um censo dos servidores e avaliar realmente a necessidade e fazer concurso para a área da saúde, vamos fazer a secretaria de saúde, dar transparência à gestão, vamos levar o serviço público de qualidade, com acesso a todos os gastos”, disse.

Tributação de pessoas físicas e jurídicas e incentivos para o polo de saúde

Kleber respondeu sobre os altos valores de tributações questionados pelos médicos. Montezuma disse que vai destravar todos os processos de burocracia existentes na Prefeitura de Teresina, de forma a criar um ambiente favorável para que empreendedores possam abrir seus negócios.

Com relação aos tributos, ele afirmou que são necessários, mas que têm que ser justos e "nós estaremos sempre abertos para dialogar sobre aquilo que é justo e necessário".

Hospitais de campanha

Sobre os hospitais de campanha que foram construídos para atender pacientes vítimas da covid-19, Dr. Pessoa criticou a administração pública. "Não só em relação aos hospitais de campanha, mas, muito da administração que aí está é sem planejamento. Se fosse bem planejado poderia até se fazer o hospital de campanha, mas praticamente não tiveram utilidades", declarou.