Teresina - PI

Carlos Augusto diz que Fábio Abreu está sendo alvo de "fake news"

"Faz parte das campanhas, a quantidade de fake news que foi divulgada em desfavor de nosso candidato Fábio Abreu, mas Fábio é um candidato ficha limpa", defendeu Carlos Augusto.

Wanessa Gommes
Teresina
Germana Chaves
Teresina
Nathalia Carvalho
Teresina
10/11/2020 14h54 - atualizado 14h54

O deputado estadual Carlos Augusto (PL) disse nesta terça-feira (10) que tem acompanhado a campanha de Fábio Abreu (PL), candidato a prefeito de Teresina, e que tem visto nas ruas o contrário do que é divulgado nas pesquisas de intenção de voto. Para ele, Abreu vai disputar o segundo turno.

"A campanha majoritária sempre tem suas particularidades, mas o que tenho visto nas ruas é o contrário do que eu tenho visto nas milhares de pesquisas eleitorais. Tenho acompanhado a campanha do deputado Fábio Abreu a prefeito de Teresina e tenho visto como ele está sendo muito bem recebido”, afirmou o coronel.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Coronel Carlos Augusto Coronel Carlos Augusto

Ainda segundo o deputado, ao final do dia 15 de novembro, as pessoas terão uma grande surpresa, dando a entender que acredita que Fábio Abreu vá para o segundo turno. “Estamos aguardando mesmo o resultado do dia 15 de novembro e não tenho dúvidas de que Teresina terá uma grande surpresa", declarou.

Carlos Augusto destacou que Fábio Abreu tem sido alvo de notícias mentirosas, mas que ele é uma pessoa ficha limpa: "Faz parte das campanhas, a quantidade de fake news que foi divulgada em desfavor de nosso candidato Fábio Abreu, mas Fábio é um candidato ficha limpa que tem um mandato direcionado para servir às pessoas, que dedicou grande parte de sua vida à segurança pública e continua se dedicando e estamos esperando o resultado do povo”.

Ele também criticou o grande número de pesquisas eleitorais: “é normal na campanha, em todas são assim, isso faz parte da política essa quantidade de pesquisas, muitas vezes inverídicas, mas o dia D chega e o nosso é o dia 15 de novembro. No segundo turno é outra discussão, teremos pouco tempo, mas temos que ter um diálogo com os partidos, reconhecemos a independência dos parlamentares e o que vamos buscar mesmo é o voto da população”.

Carlos Augusto ainda está confiante de que na Câmara de Teresina deverão ser eleitos dois vereadores do PL.