Teresina - PI

Celso Henrique diz que Cidadania quer eleger dois vereadores

“Juntos nós traçamos uma estratégia de crescimento no Piauí, principalmente em Teresina, onde a sigla praticamente tem consolidado uma chapa que elegerá dois vereadores na Capital”, contou Celso.

Germana Chaves
Teresina
19/06/2019 07h59 - atualizado 08h09

O Cidadania está firme no propósito de ter papel de destaque nas eleições de 2020, sobretudo, em Teresina. Celso Henrique e José Augusto, presidentes estadual e municipal, respectivamente, estiveram reunidos com o deputado estadual Oliveira Neto para traçar as estratégias da legenda para o ano que vem.

A meta do Cidadania na disputa proporcional em Teresina é eleger, pelo menos, dois vereadores. “Juntos nós traçamos uma estratégia de crescimento no Piauí, principalmente em Teresina, onde a sigla praticamente tem consolidado uma chapa que elegerá dois vereadores na Capital”, contou Celso ao GP1 nesta quarta-feira (19).

  • Foto: Facebook/ Celso HenriqueCelso ao lado de Oliveira Neto e José AugustoCelso ao lado de Oliveira Neto e José Augusto

Celso Henrique falou ainda sobre a participação de Oliveira Neto no desenvolvimento do partido nas próximas eleições. “O deputado garante seu envolvimento no fortalecimento da sigla no Piauí”, completou o presidente estadual do Cidadania.

Impasse

O partido tem vivido um impasse no campo municipal, isso porque, o vereador Dr. Lázaro teceu críticas as executivas do Cidadania e ainda disse que era possível se candidatar ao cargo de prefeito.

Em resposta, José Augusto disse que os membros do partido defendiam a saída de Lázaro que, de acordo com o presidente, apenas usou o Cidadania para se eleger.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Presidente do Cidadania defende saída de Dr. Lázaro do partido

Dr. Lázaro diz que Celso Henrique pratica 'política de omissão'

Mais conteúdo sobre: