Política

Ciro diz que concorda com críticas de Iracema ao Governo Wellington Dias

Sobre as declarações, o senador decidiu não polemizar, mas disse que concorda com as críticas em relação a falta de investimentos do governo.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Germana Chaves
Teresina
27/01/2020 11h50 - atualizado 12h07

Na manhã dessa segunda-feira (27), em visita ao Assentamento Nova Esperança, o senador Ciro Nogueira (PP) comentou sobre os áudios obtidos pelo GP1 onde a deputada federal Iracema Portella (PP) faz duras críticas ao Governo Wellington Dias (PT). A parlamentar deu as declarações em discurso no município de Morro Cabeça no Tempo no último sábado (25), onde afirmou que a gestão do Progressistas, que pretende assumir o comando do Palácio de Karnak em 2022, a obra de uma estrada de acesso ao município será realizada, pois o atual governo não vai conseguir fazer.

Sobre as declarações, o senador decidiu não polemizar, mas disse que concorda com as críticas em relação a falta de investimentos do governo. Ele afirmou que ficou sensibilizado com a situação da população no município, e que por isso entende a manifestação da deputada.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Ciro Nogueira Ciro Nogueira

“Morro Cabeça no Tempo é uma cidade que foi esquecida pelo quadro político como um todo, eu até me incluo nisso, eu já fui conhecer, pois era um município que eu não conhecia, mas é uma cidade totalmente abandonada, que não tem estrada, não tem infraestrutura nenhuma, não tem nada e a gente ficou muito triste com a realidade. Tem um prefeito que merece ser ajudado, população que merece, mas que foi esquecida. Eu não vi todo o discurso, mas não tem político que não vá a Morro Cabeça no Tempo e que não se sensibilize. Também sai muito triste e também quero ajudar, mas todos somos responsáveis, não culpo uma pessoa, acho que somos responsáveis”, explicou.

Questionado se a gestão do governador tem falhado com os moradores do extremo sul, o senador disse que entende que o governo passa por dificuldades financeiras, mas a região tem vários problemas que precisam ser resolvidos.

“No Sul do estado tem estradas que estão muito abandonadas, mas o governador tem tido muitos problemas para levar investimentos. Não é fácil ficar criticando. Eu sou daqueles que critica naquilo que posso ajudar. Vou falar com ele sobre os novos empréstimos, para destinar recursos para aquela região. Sou um aliado do governador, um parceiro, e quero ajudar o Estado e aquela região que está sem estrada, e como lá não tem muita população, acredito que por isso não tem muita atuação dos políticos, então assumo a minha parcela de responsabilidade para ajudar o extremo sul”, afirmou.

Nos áudios, a deputada federal revelou que poderia concorrer ao governo em 2022, apesar de Ciro Nogueira já ter declarado por diversas vezes a sua intenção de concorrer. Sobre o assunto, Ciro Nogueira disse que o Progressistas possui vários nomes e que isso ainda será avaliado.

“Lógico [que ela pode concorrer]. Eu sempre coloquei o prefeito Firmino Filho, se ele vier para o Progressistas, também os deputados federais, os prefeitos, que são nomes que devem ser avaliados”, finalizou.

Entenda o caso

O GP1 teve acesso a uma sequência de aúdios atribuídos a deputada federal Iracema Portella onde ela faz duras críticas ao Governo Wellington Dias. A parlamentar deu as declarações em discurso no município de Morro Cabeça, no Tempo no último sábado (25). Na oportunidade ela afirma aos presentes que uma estrada que daria acesso o município não será construída na atual administração do PT.

A deputada chega a se comprometer com os moradores do município quando garante que na gestão do Progressistas, que pretende assumir o comando do Palácio de Karnak em 2022, a obra será realizada. Em outro trecho da gravação, Iracema deixa claro que não descarta a possibilidade de vir a concorrer ao Governo do Estado.

“A estrada não estava tão ruim quanto estava agora e uma coisa eu quero dizer para vocês, essa estrada ela não será feita agora nesse governo que está aqui, Wellington Dias. Esqueçam porque realmente não vão fazer mesmo essa estrada”, disse a deputada que segue discursando.

Ouça áudios

Nova polêmica

Cabe relembrar que esse não é o primeiro episódio que revela o estremecimento na relação do Progressistas com o Governo Wellington Dias. No final do ano passado, um áudio do senador Ciro Nogueira também gerou uma grande polêmica. Na gravação, o senador faz projeções políticas para 2022 e afirma que se Wellington decidisse disputar o Senado, seria derrotado pelo atual prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB). O fato desencadeou uma nova onda de desentendimentos entre petistas e progressistas.

O acirramento dos ânimos tem se intensificado nos últimos anos e o principal motivo seria o desejo de Ciro de assumir o comando do Estado. Ele não esconde e trabalha para alcançar esse objetivo e até mesmo admite que as chances de oficializar o rompimento com Wellington são reais, uma vez que, o chefe do Palácio de Karnak não sinaliza para um possível apoio aos planos do PP.

NOTÍCIA RELACIONADA

Em áudio, Iracema Portella faz duras críticas a Wellington Dias