Política

Confira como ficou a bancada feminina do Piauí na Câmara e Alepi

Na Câmara Federal a bancada feminina aumentou de duas para quatro vagas. Já na Assembleia Legislativa do Piauí permaneceram as quatro vagas.

Bárbara Rodrigues
Teresina
01/02/2019 12h05 - atualizado 12h05

Com a posse dos deputados federais e estaduais eleitos nesta sexta-feira, 1º de fevereiro, a bancada feminina do Piauí ficou com oito representantes. Na Câmara Federal a bancada feminina aumentou de duas para quatro vagas. Já na Assembleia Legislativa do Piauí permaneceram as quatro vagas.

Na Câmara foram eleitos ao todo 10 representantes dos Estado do Piauí, sendo quatro mulheres. Houve um acréscimo de mais duas representantes femininas. Foram eleitas: Rejane Dias (PT), Margarete Coelho (PP), Iracema Portella (PP) e Dra. Marina (PTC).

  • Foto: GP1Deputadas estaduais e federais do PiauíDeputadas estaduais e federais do Piauí

As novatas são Margarete Coelho, que passou os últimos quatro anos atuando como vice-governadora, e Dra. Marina que é médica e casada com o ex-prefeito de Novo Oriente do Piauí e ex-candidato ao governo do Piauí, Marcus Vinicius.

Já na Alepi são 30 deputados estaduais, e a bancada feminina conseguiu apenas quatro vagas que são ocupadas por: Flora Izabel(PT), Lucy Soares (PP), Teresa Britto (PV) e Janainna Marques (PTB).

As novatas são Lucy Soares, que é esposa do prefeito Firmino Filho (PSDB), e Teresa Britto, que conhecida pela sua atuação como vereadora de Teresina.