São Félix do Piauí - PI

Corpo de oficial de justiça do TJ-PI é sepultado em São Félix do Piauí

A vítima, que trabalhava como oficial de justiça, estava em um bar com um amigo identificado como Zé Braz, por volta de 20h de ontem, quando foi abordada por dois criminosos.

Brunno Suênio
Teresina
29/08/2019 19h55 - atualizado 19h56

Foi sepultado no cemitério São Sebastião, no início da noite desta quinta-feira (29), no município de São Félix do Piauí, o corpo do servidor do Tribunal de Justiça do Piauí, Francisco das Chagas Campelo e Silva, que foi morto com dois tiros durante um assalto ocorrido na noite dessa quarta-feira (28), no Tancredo Neves, zona sudeste de Teresina.

A vítima, que trabalhava como oficial de justiça, estava em um bar com um amigo identificado como Zé Braz, por volta de 20h de ontem, quando foi abordada por uma dupla que anunciou o assalto. Durante a ação criminosa, ele travou luta corporal com um dos suspeitos e o segundo acusado, que havia rendido Zé Braz, acabou efetuando um tiro na região das costelas e outro nas costas do oficial de justiça, que morreu ainda no local.

  • Foto: Arquivo Pessoal/DivulgaçãoFrancisco das Chagas Campelo e Silva foi morto durante um assaltoFrancisco das Chagas Campelo e Silva foi morto durante um assalto

Logo após o crime, os dois homens identificados como Vinicius Alves da Silva e Ígor Araújo Sousa fugiram no veículo da vítima, uma Hilux de cor prata, e quando chegaram na Estrada da Alegria abandonaram o carro, que parou de funcionar.

Os policiais do 6º Batalhão da Polícia Militar prenderam Vinicius Alves da Silva, que foi localizado no conjunto Morada Nova, zona sul da Capital, e seu comparsa continuou a fuga a pé. Com Vinicius foi encontrado um revólver calibre .32, com seis munições.

Prisão preventiva decretada

No início da tarde desta quinta-feira (29), juiz Jorge Cley Martins Vieira converteu em preventiva a prisão em flagrante de Vinicius Alves da Silva.

  • Foto: Divulgação/PM-PISuspeito de participar do assalto que terminou com a morte de Chaguinha CampeloSuspeito de participar do assalto que terminou com a morte de Chaguinha Campelo

A audiência de custódia teve início às 11h55 da manhã de hoje e foi finalizada por volta de 12h16, no Fórum Cível e Criminal de Teresina.

NOTÍCIAS RELACIOANADAS

Servidor do TJ é assassinado a tiros durante assalto no Tancredo Neves

Suspeito de assassinar servidor do TJ-PI é preso no Morada Nova

Polícia identifica 2° suspeito de matar servidor do TJ em Teresina

"Sentimento de impunidade", diz amigo do servidor do TJ morto em Teresina

Delegado Barêtta explica dinâmica do latrocínio de servidor do TJ-PI

Juiz converte em preventiva prisão de acusado de matar servidor do TJ-PI