Coronavírus no Piauí

Covid-19: decretos de Wellington Dias e Firmino Filho entram em vigor

O estado do Piauí tem 18 pessoas infectadas, com quatro mortes por Covid-19, conforme dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde na noite do dia 30 de março.

Brunno Suênio
Teresina
31/03/2020 08h16 - atualizado 08h46

Passou a valer nesta terça-feira (31) o decreto nº 18.913 que prorroga os decretos nº 18.901 e nº 18.902 e dispõe sobre a suspensão das aulas da rede estadual e municipal de ensino estadual, além das instituições públicas e privadas de ensino superior, bem como as demais medidas excepcionais já declaradas nos dois decretos anteriores, que alcançaram também o comércio e indústria.

Nessa segunda-feira (30), o governador Wellington Dias havia anunciado a prorrogação por meio de uma live no Instagram e na oportunidade anotou pontos importantes para o enfrentamento ao novo coronavírus, que no estado do Piauí já contaminou 18 pessoas, provocando quatro mortes por Covid-19, conforme dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde na noite do dia 30 de março de 2020.

Conforme os números do documento apresentado pela secretaria, a quantidade de casos suspeitos aumentou, passando agora para 231. 360 casos foram descartados.

Ainda ontem, o prefeito de Teresina, Firmino Filho, já havia se posicionado por prorrogar o decreto municipal, mantendo todas as medidas restritivas na Capital até o próximo dia 30 de abril de 2020. Ele demonstrou preocupação diante do avanço do novo coronavírus e pediu que a população reforçasse isolamento social.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Wellington Dias prorroga decretos e quarentena vai até 30 de abril

Firmino Filho assina novo decreto de calamidade e mantém isolamento