Currais - PI

Covid-19: prefeito Raimundo Santos proíbe convenções presenciais

Dentro do município de Currais está proibida a realização de eventos públicos com a aglomeração de pessoas.

Bárbara Rodrigues
Teresina
04/09/2020 17h03 - atualizado 17h25

O prefeito de Currais, Raimundo de Sousa Santos, publicou decreto no Diário Oficial dos Municípios de 3 de setembro, onde proíbe a realização de convenções partidárias de forma presencial devido a pandemia do novo coronavírus.

Segundo o prefeito, a medida é necessária em decorrência do “aumento crescente do número de casos de pessoas infectadas com covid-19 no município de Currais”. O município já tem 137 casos confirmados.

O prefeito publicou que dentro do município de Currais está proibida a realização de eventos públicos com a aglomeração de pessoas. “Os partidos políticos deverão realizar as convenções partidárias exclusivamente em formato virtual, evitando assim aglomeração de pessoas e disseminação da doença”, explicou o prefeito no decreto.

O prefeito Raimundo Santos ainda explicou que o descumprimento poderá acarretar na aplicação de multa, mas não especificou o valor que deverá ser pago.

“A situação demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública a fim de evitar a disseminação da doença no município de Currais”, pontuou Raimundo Santos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Covid-19: OMS diz que não espera vacinação em massa antes de 2021

Covid-19: vacina russa induz resposta imune e não apresenta efeitos adversos

Promotor recomenda realização de testes da covid-19 em Piracuruca