Esportes

Crivella suspende competições esportivas no Rio de Janeiro até dia 25

A medida foi publicada no Diário Oficial do Município.

Por  Estadão Conteúdo
20/06/2020 19h31

Retomado na última quinta-feira, o Campeonato Carioca voltou a ser paralisado. Neste sábado, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, determinou a suspensão das competições esportivas em locais fechados. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município. "Ficam suspensas as competições esportivas com portões fechados até o dia 25 de junho", diz o decreto.

O decreto afirma que as competições esportivas devem ficar paralisadas até 25 de junho, a próxima quinta-feira, na cidade do Rio. O Campeonato Carioca tinha duas partidas marcadas para este domingo - Madureira x Resende e Vasco x Macaé - e outras duas para segunda - Botafogo x Cabofriense e Fluminense x Volta Redonda.

Após cerca de três meses paralisado em função da pandemia do coronavírus, o Campeonato Carioca foi retomado na última quinta-feira, com a vitória do Flamengo por 3 a 0 sobre o Bangu, em partida disputada no Maracanã, sendo seguida pela igualdade sem gols entre Portuguesa e Boavista, na última sexta, no Luso-Brasileiro.

De acordo com o decreto, os centros de treinamentos localizados no Rio precisarão passar por inspeção do órgão sanitário do Rio antes de voltar a ser liberada a realização de atividades. E os times que treinam fora da capital terão de apresentar até a próxima quinta-feira um relatório sanitário emitido por um órgão competente. A situação é semelhante para as demais modalidades esportivas, com a obrigação de envio de protocolo sanitário.

A retomada do Campeonato Carioca foi decidida em reunião do Conselho Arbitral do torneio, mas não foi unânime. Fluminense e Botafogo, inclusive, haviam avisado que se recusariam a entrar em campo em junho, acionando a justiça desportiva para obter o aval para essa decisão. Agora, então, o torneio estadual voltou a ser paralisado com a decisão de Crivella de suspender as competições na cidade do Rio até a próxima quinta.

NOTÍCIA RELACIONADA

França libera esportes coletivos e abrirá estádios em 11 de julho