Política

Deputado Georgiano Neto deixa a UTI do Hospital Sírio-Libanês

Ele agora aguarda na unidade semi-intensiva a autorização médica para ser encaminhado para o apartamento.

Brunno Suênio
Teresina
21/07/2020 15h06

O deputado estadual Georgiano Neto (PSD) deixou a UTI do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, por volta de meio-dia desta terça-feira (21) e aguarda na unidade semi-intensiva a autorização médica para ser encaminhado para o apartamento.

O parlamentar testou positivo para covid-19 no último dia 07 de julho e cinco dias depois deu entrada no Hospital Sírio-Libanês, em 12 de julho, ocasião em que foi transferido em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea.

  • Foto: Alef Leão/GP1Deputado Georgiano NetoDeputado Georgiano Neto

Já no último dia 17, Georgiano Neto teve que encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital e comunicou que a medida foi necessária por precaução, já que o nível de saturação estava oscilando.

“Comunico a todos que sigo fazendo o tratamento contra a covid-19 com muito sucesso. Os sintomas leves que eu estava sentindo (tosse e febre) desapareceram, mas como estou vivendo o pico da doença (9º ao 13º dia) e minha saturação está oscilando, o médico decidiu pela transferência para um leito de UTI, com um cateter na narina, bem como cogita mudar medicação”, disse Georgiano Neto.

Pai com covid-19

O pai de Georgiano Neto, o deputado federal Júlio César Lima (PSD), também contraiu o novo coronavírus, mas já teve alta médica do Hospital Sírio-Libanês, onde ficou internado por uma semana para se tratar da doença.

Mais conteúdo sobre: