Teresina - PI

Edson Melo diz que ex-aliados de Firmino podem sofrer consequências

“Quem está toda vida com o prefeito Firmino e com a base do PSDB e de repente passa para a oposição, o discurso fica frágil”, disparou Melo.

Germana Chaves
Teresina
06/07/2019 19h00 - atualizado 19h06

O vereador de Teresina Edson Melo, presidente do diretório do PSDB da Capital, teceu duras críticas ao comportamento dos ex-aliados do prefeito Firmino Filho (PSDB) que estão deixando a base para compor com nomes adversários. Para Melo, essa mudança de lado fragiliza o discurso daqueles que passaram anos no Palácio da Cidade, mas que agora optaram pela oposição.

“Esses [aliados e suplentes de] vereadores que mudam de lado num momento desses podem sofrer consequências com relação ao discurso lá na frente. Quem está toda vida com o prefeito Firmino e com a base do PSDB e de repente passa para a oposição, o discurso fica frágil”, disparou Edson Melo ao GP1 nessa sexta-feira (05).

  • Foto: Lucas Dias/GP1Edson MeloEdson Melo

Edson Melo afirmou que alguns aliados vivem um momento de total ansiedade e cobranças para que Firmino Filho decida o caminho que a base deverá trilhar nas eleições de 2020, sobretudo, o grupo que vai compor as chapas proporcionais.

“Existe a ansiedade de muitas pessoas que querem se colocar como candidatas a vereador e estão ansiosas por uma definição, por serem agasalhadas pelo prefeito através de partidos da base. Isso gera uma ansiedade e fica essa concorrência”, justificou o vereador.

Suplente de malas prontas

O exemplo mais recente envolveu o suplente de vereador e ex-secretário de Esportes e Lazer de Teresina (Semel), Renato Berger. Ele anunciou rompimento com Firmino Filho e filiação ao PSD do deputado estadual Georgiano Neto, que está colocado como pré-candidato ao Palácio da Cidade. Com essa decisão, o ex-secretário da Semel cravou a mudança para a oposição que será oficializada nesta segunda-feira (08).

NOTÍCIAS RELACIONDAS

“Não posso mais errar”, diz Renato Berger sobre filiação ao PSD

Suplente de vereador Renato Berger confirma ida para o PSD

Renato Berger diz que foi descartado pelo prefeito Firmino Filho