Teresina - PI

"Ele vai pagar pelo que fez com o meu filho", diz mãe de Gabriel Brenno

"Eu espero que ele permaneça preso, que ele seja julgado e condenado", disse Janaína Nogueira, logo após a prisão do acusado de matar Gabriel Brenno.

Brunno Suênio
Teresina
07/08/2019 14h28 - atualizado 13/08/2019 08h04

A mãe do estudante Gabriel Brenno, Janaína Nogueira, disse em entrevista exclusiva ao GP1, na manhã desta quarta-feira (07) que se sente aliviada com a prisão de Deivid Ferreira de Sousa e espera que o acusado seja condenado pelo crime, que ela classificou como “covarde”.

Em um desabafo, Janaína Nogueira clamou por Justiça e falou da necessidade da manutenção da prisão de Deivid Ferreira.

“A Justiça vai ser feita, ele vai pagar pelo que fez com o meu filho, pois quem deve tem que pagar. Eu espero que ele permaneça preso, que ele seja julgado e condenado, porque o crime que ele cometeu foi muito bárbaro, ele não deu chance de defesa para o meu filho. Ele planejou, executou meu filho, foi covarde e executou ele pelas costas. Eu me sinto mais aliviada e satisfeita pelo trabalho da Polícia Civil do Estado do Piauí”, desabafou.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Mãe do estudante emocionada ao lamentar a morte do seu filhoMãe do estudante Gabriel Brenno em entrevista ao GP1

A prisão

Deivid Ferreira de Sousa, acusado de assassinar o estudante Gabriel Brenno Nogueira da Silva Oliveira, foi preso na manhã desta quarta-feira (07) no bairro Verde Lar, localizado na zona leste de Teresina.

Ele estava escondido no interior de uma residência, quando os policiais fizeram incursão no imóvel e deram voz de prisão ao mestre de obras, que foi encaminhado para a sede da Secretaria de Segurança Pública do Estado Piauí (SSP-PI).

  • Foto: Hélio Alef/GP1Acusado é apresentado na Secretaria de SegurançaAcusado é apresentado na Secretaria de Segurança

Deivid foi localizado após um trabalho em conjunto entre os investigadores do 1º DP com a Divisão de Capturas (DICAP) e a Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública, que deram cumprimento ao mandado de prisão expedido no último dia 23 de julho.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Estudante de 21 anos é baleado na cabeça na Rua Paissandu

Acusado de matar Gabriel Brenno é preso no bairro Verde Lar

Familiares e amigos se despedem de Gabriel Brenno em Caxias

"Não tinha necessidade dele fazer isso”, diz pai de Gabriel Brenno