Política

Eleição para presidência da Alepi será antecipada para novembro

Ao ser questionado se o MDB vai lançar candidato a presidente, Mádison disse que o deputado Themístocles é o ‘pole position’ (primeira posição). Themístocles é presidente da Alepi desde 2005.

Andressa Martins
Teresina
Germana Chaves
Teresina
03/02/2020 10h50 - atualizado 11h00

A eleição para eleger o novo presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) deverá acontecer em novembro. A informação foi confirmada pelo líder do MDB na Casa, deputado estadual João Mádison durante solenidade de abertura do ano legislativo, nesta segunda-feira (3).

“Nesse ano em novembro teremos novas eleições para renovar por mais dois anos aqui nessa Casa”, declarou Mádison.

  • Foto: Lucas Dias/GP1João MádisonJoão Mádison

O presidente Themístocles Filho foi reconduzido à Presidência para um novo biênio em fevereiro de 2019. A eleição interna costuma acontecer no início do ano, mas foi antecipada para novembro, já que não há impedimentos para mudança na data.

Ao ser questionado se o MDB vai lançar candidato a presidente, Mádison disse que o deputado Themístocles é o ‘pole position’ (primeira posição). “Ainda está muito longe, mas lógico que o presidente Themístocles é sempre ‘pole position’ em relação a isso”, finalizou.

Themístocles é presidente da Assembleia Legislativa do Piauí desde 2005.