Coronavírus no Piauí

Estado do Piauí já perdeu três médicos para a covid-19

As mortes desses profissionais geraram bastante comoção, uma vez que eles dedicaram suas vidas salvando e cuidando da saúde de outras pessoas.

Thais Guimarães
Teresina
31/07/2020 17h47 - atualizado 17h48

O Piauí já perdeu três médicos para a covid-19 desde o início da pandemia do novo coronavírus no estado. Alguns deles ainda atuava na medicina e trabalhavam na linha de frente do combate à doença.

As mortes desses profissionais geraram bastante comoção, uma vez que eles dedicaram suas vidas salvando e cuidando da saúde de outras pessoas. Os médicos que infelizmente não resistiram à covid-19 são: Fábio Carvalho, Oscar Eulálio, Mansueto Magalhães e José Ivaldo.

Fábio Carvalho

  • Foto: Clínica Flávio Snatos/CRM-PIMédico Fábio CarvalhoMédico Fábio Carvalho

O médico anestesiologista morreu no dia 14 de julho aos 39 anos. Durante sua trajetória profissional, ele atuou no Hospital Getúlio Vargas (HGV), no Hospital de Terapia Intensiva (HTI), na Maternidade Dona Evangelina Rosa e outras unidades de saúde. Fábio Carvalho faleceu na unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Unimed. Ele deixa esposa e três filhas.

Mansueto Magalhães

  • Foto: Reprodução/TwitterMansueto MagalhãesMansueto Magalhães

Médico oftalmologista e professor aposentado da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Mansueto Magalhães, faleceu nesta quinta-feira (30) no Hospital Unimed Teresina. Com uma larga experiência de mais de 40 anos, Mansueto, que é pai da advogada Audrey Magalhães e irmão do ex-deputado federal Ary Magalhães, vinha lutando contra a doença, mas acabou não resistindo. Seu filho, Mansueto Filho, também contraiu o vírus e segue fazendo tratamento no mesmo hospital onde o pai estava internado.

José Ivaldo

  • Foto: Reprodução/FacebookDiretor clínico do SAMU José Ivaldo de OliveiraDiretor clínico do SAMU José Ivaldo de Oliveira

Médico ginecologista, José Ivaldo era diretor clínico do Sistema de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) em Teresina. Ele faleceu na madrugada desta sexta-feira (31), em decorrência de complicações causadas pelo novo coronavírus. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Unimed há mais de um mês.

José Ivaldo foi homenageado por cerca de cem profissionais do Samu, que se reuniram na sede da unidade, na Avenida Miguel Rosa, e aguardaram o cortejo do médico, que foi sepultado no cemitério Parque Jardim da Ressurreição. Diversas ambulâncias do Samu também seguiram o cortejo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Médico Fábio Carvalho morre aos 39 anos vítima da covid-19

Oftalmologista Mansueto Magalhães morre vítima da covid-19 em Teresina

Diretor clínico do SAMU José Ivaldo morre vítima da covid-19

Profissionais do SAMU prestam última homenagem ao médico José Ivaldo