Teresina - PI

Fábio Novo diz que possui relação administrativa com Firmino Filho

Segundo o deputado estadual, o fato de manter o diálogo com Firmino, mesmo sendo de partidos opostos, significa que ele possui maturidade.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Germana Chaves
Teresina
20/09/2019 06h17 - atualizado 07h34

O deputado estadual Fábio Novo (PT) afirmou nesta quinta-feira (19) que possui apenas uma relação administrativa com o prefeito Firmino Filho (PSDB) ao rebater críticas sobre sua proximidade com o tucano. Novo quer disputar a Prefeitura de Teresina, mas encontra resistência de alguns militantes do PT por ser considerado um aliado do prefeito.

Essa proximidade com Firmino tem feito Fábio Novo receber algumas críticas. Segundo o parlamentar petista, o fato de manter o diálogo com Firmino, mesmo sendo de partidos opostos, significa que ele possui maturidade e que é importante ignorar as questões políticas para tratar dos problemas da cidade.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Fábio NovoFábio Novo

“Qual é a dificuldade em dialogar com o prefeito que é de um partido contrário? Isso é democracia. Nós temos que ter que governador do estado é Wellington Dias, do PT, e o prefeito é do PSDB, dois partidos antagônicos, mas aí não tem que entrar política. O governador e o prefeito precisam ter a responsabilidade, a maturidade de sentarem para dialogar os problemas de Teresina. Eu nunca tive problema de dialogar, com quem quer que seja. Independentemente da cor partidária. Se eu não tiver condição de dialogar com forças contrárias, eu não estou preparado para colocar meu nome à disposição para a Prefeitura de Teresina”, declarou o petista.

Fábio Novo explicou que o fato de ter sido secretário estadual de Cultura o levou a tratar com o prefeito sobre diversas ações relativas a cidade de Teresina.

“Eu tenho parcerias. Quando eu era secretário de Cultura, tiveram eventos em Teresina que fazem parte do calendário cultural, onde tem que ter a participação da prefeitura e do governo. Só porque eu não penso politicamente e ideologicamente com a prefeitura da capital, eu não vou dialogar? Vou sim. Temos que pensar no bem comum de Teresina. Eu tive oportunidade de ser secretário, modéstia parte acho que consegui realizar bem essa missão em Teresina, onde conseguimos recuperar todo o patrimônio cultural, recuperamos bibliotecas, museus e escolas de arte”, explicou.

Fábio Novo também rebateu as críticas do militante do PT, Júnior do MP3 que em diversas oportunidades, tem questionado a proximidade de Novo e do deputado federal Assis Carvalho com Firmino. MP3 chegou a dizer que os colegas de partido tinham interesse na proximidade do PT com PSDB para desestabilizar a candidatura própria do partido.

"Não, não é por aí. Eu não vou falar mal do Júnior, nem do Franzé, nem do Daniel. Eu vou falar bem deles, são companheiros valorosos do nosso partido. Eu tenho serviços prestados em Teresina e tenho a capacidade de sentar e dialogar com quem quer que seja. Isso eu vou fazer. Quem quer concorrer à Prefeitura de Teresina não pode ter ranço", rebateu Novo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Fábio Novo encontra resistência no PT pela proximidade com Firmino

Dudu diz que Fábio Novo é ligado a vereador da base de Firmino

Assis defende nome de Fábio Novo para prefeito de Teresina

Mais conteúdo sobre: