Teresina - PI

Firmino diverge de Wellington Dias e manda fechar supermercados no sábado

No decreto de Wellington, no sábado estavam permitidos funcionar postos de combustíveis, concessionárias, lotéricas e bancos. Já no decreto de Firmino todas estas atividades estão proibidas.

Andressa Martins
Teresina
26/06/2020 11h12 - atualizado 11h15

O prefeito Firmino Filho (PSDB) publicou na manhã desta sexta-feira (26) um novo decreto intensificando as medidas de isolamento social e proibindo a abertura de supermercados e postos de combustíveis na capital neste sábado (27) e no domingo (28).

Firmino divergiu das medidas implantadas pelo governador Wellington Dias (PT), que já havia decretado lockdown parcial no domingo, mas permitia o funcionamento de mercados, supermercados e postos no sábado. Na capital, no entanto, vale o decreto municipal, que proíbe a abertura destes estabelecimentos.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Prefeito Firmino FilhoPrefeito Firmino Filho

No decreto de Wellington, no sábado estavam permitidos ainda serviços de transportes de carga, concessionárias de veículos, casas lotéricas, serviços bancários, atividades agrícolas e outros serviços. Já no decreto de Firmino todas estas atividades estão proibidas.

Conforme o documento assinado por Firmino, no sábado e no domingo somente estão autorizados a funcionar farmácias e drogarias, serviços de saúde, serviços de segurança e vigilância, delivery para alimentação e órgãos e profissionais de comunicação.

O prefeito Firmino Filho destacou que as medidas impostas fazem parte do plano de retomada das atividades comerciais em Teresina e tem como objetivo conter a disseminação do novo coronavírus (covid-19).

“Esse isolamento mais forte é de extrema necessidade para que possamos preparar a cidade para o início da retomada das atividades econômicas. É importante fazer um esforço maior para conter mais ainda a disseminação desse vírus, reduzir o número de internações e de mortes antes de iniciarmos o planejamento da reabertura da cidade de forma gradual e segura, preservando a saúde e a vida dos teresinenses”, afirmou.

Os estabelecimentos e serviços autorizados a funcionar por meio do decreto deverão cumprir as normas de segurança como limitação de pessoas nas áreas internas, resguardando distância mínima de 2 metros, bem como permanente higienização e uso obrigatório de máscaras.

As medidas serão fiscalizadas pela vigilância sanitária municipal com apoio da Polícia Militar do Piauí, Guarda Civil Municipal, Secretaria dos Transportes (Setrans) e Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito. Em caso de descumprimento, os estabelecimentos serão multados e poderá ocorrer a cassação do alvará de funcionamento.

Confira o decreto da Prefeitura de Teresina na íntegra abaixo ou clicando aqui

Confira o decreto do Governo do Estado na íntegra abaixo ou clicando aqui

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Saiba o que vai abrir neste fim de semana após decreto de Wellington

Prefeito Firmino Filho decreta ponto facultativo nesta sexta-feira