Piauí

Governador Wellington Dias dá posse a 42 novos policiais penais

Em entrevista a imprensa, o chefe do executivo estadual pontuou a importância da convocação dos novos policiais a fim de atender à demanda do sistema penitenciário, que possui 17 unidades penais.

Brunno Suênio
Teresina
Germana Chaves
Teresina
Andressa Martins
Teresina
Davi Fernandes
Teresina
20/12/2019 13h57 - atualizado 14h19

O governador Wellington Dias deu posse nesta sexta-feira (20) a 42 novos policiais penais durante solenidade realizada nesta manhã, no Palácio de Karnak, no centro de Teresina, com a presença do secretário de Justiça, Carlos Edilson.

Em entrevista a imprensa, o chefe do executivo estadual pontuou a importância da convocação dos novos policiais a fim de atender à demanda do sistema penitenciário, que possui 17 unidades penais por todo o Piauí.

  • Foto: Andressa Martins/GP1Governador Wellington DiasGovernador Wellington Dias

“Graças a Deus a gente conseguiu um entendimento para permitir que pudéssemos ter essa contratação, pois foi inaugurada uma nova penitenciária e havia a necessidade de complementar recursos humanos. São pessoas que, com certeza, vão nos ajudar nesse trabalho e que sejam bem-vindos a sua missão no Estado e que possamos, em 2020, sair dos limites a que chegamos para poder completar em algumas áreas necessidades que o Estado tem”, reforçou o governador Wellington Dias.

Com a posse dos novos 42 policiais penais já são 150 novos homens convocados, oriundos do curso de formação realizado através do último concurso ocorrido no ano de 2016. O governador Wellington Dias ainda ressaltou que além da Sejus, a intenção é que sejam convocados aprovados em concursos de outras áreas em 2020.

“Nós vamos sim chamando mais concursados. Quero ainda neste final de ano, conversar com a minha equipe, pois existe uma necessidade de se chamar mais pessoas e por outro lado, temos que ver a tabela de pagamento de salários e cumprir, hoje mesmo completamos o pagamento do 13º e em vários lugares do Brasil não conseguiram ou estão parcelando, estão em situações bem mais dramáticas, mas nós estamos tratando de uma forma mais organizada. Então quero tratar disso até o início do outro ano, pois não é somente na Sejus que está precisando chamar mais concursados”, ressaltou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sejus-PI deve chamar novos agentes penitenciários até o fim de 2019

Governo do Piauí prorroga concurso para agentes penitenciários

Governo do Piauí nomeia 25 novos agentes penitenciários