Piauí

Governo garante construção de adutora de 30 quilômetros no Sul do Piauí

A adutora será feita a partir de uma barragem a ser construída na localidade Maria Preta, no Rio Itaim.

da Redação
21/09/2011 19h15 - atualizado 19h15
Em audiência realizada nesta quarta-feira (21), em Brasília, o ministro da Integração, Fernando Bezerra aprovou a construção de uma adutora de aproximadamente 30 quilômetros para abastecer toda a cidade de Jaicós. A adutora será feita a partir de uma barragem a ser construída na localidade Maria Preta, no Rio Itaim.

O governo do Estado está concluindo o projeto e a licitação deve ocorrer até o dia 15 de outubro. Segundo o superintendente de Representação do Piauí em Brasília, B. Sá, a obra é um investimento de aproximadamente de R$ 20 milhões, no qual o Ministério entrará com R$ 11 milhões e o Governo do Estado com os demais R$ 9 milhões.

Em Brasília, o governador também foi recebido pelo presidente do ICMBIO, Rômulo Mello, e entregou o relatório final de todo o levantamento das terras que envolvem a área do Parque Nacional Serra das Confusões.

Wilson Martins participou ainda de um encontro com os governadores na residência do Presidente da Câmara Federal, Marco Maia. No encontro, foi discutida a questão da fonte de investimento para Saúde e apontadas algumas sugestões para fontes alternativas na área da saúde. Entre as proposições, a redução da dívida dos Estados para com a União com o compromisso da aplicação desse recurso na saúde. A Emenda Constitucional 29 estava em votação ontem na Câmara Federal.

No último encontro em Brasília, Wilson Martins foi recebido pelo secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, para tratar de questões referentes ao alongamento da dívida do Piauí.

Quinta-feira

O governador retornou na noite desta quarta e nesta quinta (22), às 8h30, participa da inauguração do Residencial Nova Alegria 2. Às 11h30, Wilson Martins e a secretária de Saúde Lilian Martins farão o lançamento do concurso para a Sesapi. São 905 vagas para vários cargos e especialidades em todos os territórios estaduais.