Castelo do Piauí - PI

Greco prende 11° acusado de arrombar banco em Castelo do Piauí

A ação criminosa aconteceu no dia 19 de fevereiro deste ano em uma agência do Banco Bradesco.

Laura Moura
Teresina
15/03/2019 08h03 - atualizado 08h39

Policiais civis efetuaram a prisão nesta quinta-feira (14) de um homem identificado como Gean dos Santos Rocha, acusado de arrombar a agência do Banco Bradesco no dia 19 de fevereiro deste ano em Castelo do Piauí. Ele é o 11° envolvido preso.

O indivíduo foi preso por volta de 15h no bairro Santa Angélica, zona sul de Teresina. Gean Rocha apresenta diversas passagens pela polícia pelo crime de roubo. Com esta prisão, o caso se deu como encerrado.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilGean RochaGean Rocha

O coordenador do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), delegado Tales Gomes, explicou que as investigações do caso constataram que Gean ficou responsável por auxiliar no planejamento da ação criminosa, pelo resgate dos comparsas e o transporte das armas utilizadas no crime para a casa de um indivíduo identificado como Wallinson Eduardo Costa de Melo, vulgo “Gordinho”, que também foi preso.

“Ele ajudou no levantamento de informações, planejamento e no resgate dos assaltantes na Região de Santa Cruz dos Milagres. Depois que ele deixou os indivíduos em uma determinada casa na Capital, pegou as armas e levou para a casa do ‘Gordinho’. Nós já apreendemos o armamento e, então, foi formalizada e representada pela prisão dele junto com a Comarca de Castelo do Piauí”, informou.

Entenda o caso

Uma quadrilha fortemente armada arrombou a agência do Bradesco de Castelo do Piauí, durante a madrugada do dia 19 de fevereiro, e metralhou duas viaturas da Polícia Militar. De acordo com o Grupamento de Policiamento Militar (GPM) do município, os indivíduos chegaram por volta de 01h20 em dois veículos, um Fiorino branco e um Sandero e se dividiram para executar a ação.

Uma parte do bando foi para o banco e a outra para o GPM e fetuou vários disparos tanto na viatura, como no prédio. Mas, eles não conseguiram levar o cofre e, logo depois, a quadrilha fugiu em direção a São João da Serra. Os bandidos utilizaram espingardas calibre .12 e fuzis e, apesar da violência utilizada, nenhum policial chegou a ser alvejado com os tiros.

No dia 21 de fevereiro, os policiais do GRECO, em conjunto com a Diretoria de Inteligência da Polícia Civil, Divisão de Operações Especiais (DOE) e do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) prenderam a quadrilha responsável pelo arrombamento da agência bancária.

Já no dia 26 de fevereiro, o nono envolvido na ação criminosa, identificado como Brendo Raniel de Sousa, foi preso no município de Santa Cruz dos Milagres.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Moradores de Castelo do Piauí participaram de assalto ao Bradesco

PM apreende dinamite em carros usados por bandidos em Castelo do Piauí

Mais conteúdo sobre: