Teresina - PI

Homem é preso com R$ 100 mil em espécie e santinhos em Teresina

O desembargador Sebastião Ribeiro Martins, informou que já foram realizadas cinco prisões no Estado do Piauí, em decorrência de compra de voto e propaganda irregular.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Davi Fernandes
Teresina
07/10/2018 13h20 - atualizado 17h02

O presidente em exercício do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, informou que já foram realizadas cinco prisões no Estado do Piauí, em decorrência de compra de voto e propaganda irregular.

Uma das prisões ocorreu na madrugada deste domingo (7), onde um cabo eleitoral foi abordado pela Polícia Militar na saída da cidade de Teresina com R$ 100 mil em espécie e vários santinhos. Outra prisão foi de um homem com R$ 1.500 mil, divididos em vários pacotes, em Teresina.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Sebastião RibeiroSebastião Ribeiro

Na cidade de Água Branca foi encontrada uma pessoa com R$ 36 mil, na cidade de Fronteiras outra pessoa com R$ 3 mil e em São Miguel do Tapuio uma pessoa foi presa por propaganda irregular. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados, pois a Polícia Federal ficará responsável pela investigação.

“Foram presos em flagrantes e todas as ocorrências são encaminhadas para a Polícia Federal. A Polícia Federal está investigando, porque parece que são só apoiadores, mas com o decorrer da investigação vão ver se tem envolvimento de candidatos”, explicou o desembargador.

Ele destacou ainda que a eleição está sendo tranquila. “Está tudo dentro da normalidade. Na eleição geral passada foi substituída mais de 100 urnas, e até agora só 20 urnas”, informou.

Aqui você pode acompanhar o resultado das Eleições 2018 no GP1.