Teresina - PI

Índice de isolamento no sábado aumenta em Teresina e chega a 38%

Os dados são da startup InLoco, que realiza o georreferenciamento através dos smartphones em cidades de todo o território nacional.

18/10/2020 11h02

O índice de isolamento social registrado em Teresina, neste sábado (17), foi de 38%, um número maior ao apresentado na última sexta-feira (16), quando se alcançou 34,4%. Os dados são da startup InLoco, que realiza o georreferenciamento através dos smartphones em cidades de todo o território nacional, monitorando a localização dos usuários quando se conectam à internet pelo celular.

Ainda segundo os dados da InLoco, a média de isolamento esta semana variou de 37,33% a 38,4%. Quanto à média nacional, Teresina ficou em nono lugar no ranking das capitais do país, apresentando o índice de 34,41%, e o Piauí em segundo lugar entre os estados, com índice de 35,85%.

A startup também disponibiliza dados por regiões da cidade e, no sábado (17), a zona Centro-Norte mais uma vez foi que a que apresentou o maior índice de isolamento social, com 38,61%. Em seguida ficou a região Sul, com 38%, e a Sudeste, com 36,74%. A zona Leste neste sábado ficou com a menor taxa de isolamento social e apresentou o índice de 36,44%.

No que diz respeito à movimentação das pessoas nos bairros, os locais que apresentaram as maiores taxas de isolamento foram Mafuá (47,70%), Olarias (46,95%), Parque São João (46,90%), Parque Piauí (46,20%) e Brasilar (46,20%). Já os bairros onde as pessoas ficaram menos em distanciamento social foram Vale do Gavião (27,75%), Cabral (29,20%), Cristo Rei (29,80%), Morros (30,55%) e Cristo Rei (30,55%).

Mesmo com um certa estabilidade da doença na cidade, os dados do painel epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS) notificaram ontem 191 novos casos da covid-19 e uma morte pela doença na capital. Já são no total 36 mil casos, 1.075 óbitos e 14.772 pessoas recuperadas desde o início da pandemia.