Altos - PI

Instituto Novadata: Maxwell da Mariinha lidera pesquisa em Altos com 46%

Foram ouvidas 400 pessoas, nas zonas rural e urbana. Ela foi registrada no dia 6 de novembro, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número PI-03848/2020.

Wanessa Gommes
Teresina
13/11/2020 13h34 - atualizado 13h35

Faltando apenas dois dias para as eleições municipais em todo o país, o Instituto Novadata divulgou, nesta sexta-feira (13), pesquisa de intenção de votos para prefeito de Altos, onde o candidato do MDB, Maxwell da Mariinha, lidera com ampla vantagem.

Além de Maxwell da Mariinha, outros dois candidatos disputam a prefeitura: Carlinhos Leal (PT), e Neto Delmiro (PV).

  • Foto: Reprodução/FacebookCarlinhos Leal (PT), Maxwell da Mariinha (MDB) e Neto Delmiro (PV)Maxwell da Mariinha (MDB), Carlinhos Leal (PT) e Neto Delmiro (PV)

Estimulada (votos válidos)

De acordo com a pesquisa estimulada, considerando apenas os votos válidos, Maxwell da Mariinha aparece em primeiro lugar com 46%, enquanto o segundo colocado Carlinhos Leal, candidato apoiado pela atual prefeita de Altos, Patrícia Leal, aparece com 37%. Neto Delmiro tem 17%.

Instituto Novadata: se as eleições para prefeito de Altos fossem hoje e os candidatos fossem esses, em quem você votaria? (Votos válidos)
  • Maxwell da Mariinha
    Maxwell da Mariinha
    46,00%
  • Carlinhos Leal
    Carlinhos Leal
    37,00%
  • Neto Delmiro
    Neto Delmiro
    17,00%
Fonte: Instituto Novadata

Avaliação da atual gestão

O instituto também ouviu os entrevistados sobre a gestão da prefeita de Altos, Patrícia Leal, quando 39,25% disseram que consideram regular, 27,75% acham ruim, 20,50% boa, 8,75% ótima e não sabe/não opina totalizou 3,75%.

Instituto Novadata: como você avalia a gestão da prefeita Patrícia Leal?
  • Regular
    39,25%
  • Ruim
    27,75%
  • Boa
    20,50%
  • Ótima
    8,75%
  • Não sabe/não opina
    3,75%
Fonte: Instituto Novadata

Ficha técnica

A pesquisa foi realizada no período de 07 a 08 de novembro, com margem de erro de 4,86% para mais ou para menos.

Foram ouvidas 400 pessoas, nas zonas rural e urbana. Ela foi registrada no dia 6 de novembro, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número PI-03848/2020.