Alegrete do Piauí - PI

Irmão de vereador de Francisco Macedo é preso acusado de estupro

O vereador já foi preso em janeiro deste ano também acusado da prática de estupro contra a mesma criança.

DÉBORA DAYLLIN
DE TERESINA
29/04/2018 17h18 - atualizado 17h33

Um homem identificado como José Reis da Silva, de 23 anos, foi preso, na última sexta-feira (27), na cidade de Alegrete do Piauí, região sul do Estado, acusado de abusar sexualmente de uma menina de 12 anos.

De acordo com informações do delegado Miguel Carneiro, titular da 13ª Delegacia de Polícia Civil, José Reis é irmão do vereador de Francisco Macedo, Apolinário José da Silva (PR), preso em janeiro deste ano acusado de estuprar a mesma criança. “A prisão foi sexta, ele é irmão do vereador que nós já havíamos efetuado a prisão em janeiro pela prática do mesmo crime com a mesma vítima. A criança reconheceu os dois como autores”, informou.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilDelegado Miguel CarneiroDelegado Miguel Carneiro

O delegado ainda informou que ao tempo do crime, ele também solicitou a prisão de José na comarca de Padre Marcos, mas o juiz negou. “Eu pedi a prisão dele junto com a do vereador, mas foi negado pelo juiz. Agora solicitei a prisão no Tribunal de Justiça e foi decretada a prisão preventiva com prazo indeterminado. Ele já havia fugido antes, chegou a ficar foragido, mas sexta prendemos ele lá em Alegrete com apoio da PM, ele não resistiu à prisão, mas nega participação no crime”, explicou o delegado titular.

O delegado informou ainda que o crime ocorreu em uma casa de parentes da menor. “O estupro ocorreu na residência de parentes da jovem. Após a realização dos exames, não foi comprovada a conjunção carnal, mas o abuso sexual sim”.

Desde o ocorrido, a menina possui acompanhamento psicológico. Ela é filha de lavradores, e também parente dos acusados. José Reis da Silva foi encaminhado para o Grupamento da Polícia Militar (GPM) na cidade de Padre Marcos, onde se encontra preso.

Prisão do vereador

No dia 25 de janeiro de 2018, o vereador Apolinário José da Silva (PR), de 31 anos, do município de Francisco Macedo, foi preso acusado de estuprar uma adolescente de 12 anos. Na época, ele foi encaminhado para a delegacia da cidade de Jaicós.

Segundo informações do delegado Miguel Carneiro, responsável pelo caso, o vereador já foi solto, porém foi denunciado pelo Ministério Público do Estado do Piauí (MP-PI) pelo crime de estupro de vulnerável, e responde ao processo em liberdade.