Teresina - PI

Juiz marca audiência de acusados de tentar matar policial em Teresina

A audiência de instrução e julgamento será realizada na 1ª Vara Criminal da Comarca de Teresina.

Wanessa Gommes
Teresina
01/09/2020 17h15 - atualizado 17h18

O juiz de direito Carlos Hamilton Bezerra Lima, da 1ª Vara Criminal da Comarca de Teresina, marcou para o dia 28 de setembro deste ano, às 10h30, audiência de instrução e julgamento de Edilson Moreira dos Santos e Gleydson Nascimento Silva, acusados de tentativa de latrocínio contra um policial civil do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa - DHPP em junho deste ano.

Para marcar a audiência, o magistrado levou em consideração a crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19), e a Portaria nº 2121/2020 - PJPI/TJPI/SECPRE, que determinou o retorno gradual das atividades presenciais no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Piauí a partir do dia 10 de agosto.

  • Foto: Divulgação/PMAcusados de tentar matar policial civilAcusados de tentar matar policial civil

Relembre o caso

Um policial civil do DHPP foi baleado durante uma tentativa de latrocínio realizada por dois homens na tarde de 20 de junho, no bairro Nossa Senhora da Graças, na zona sul de Teresina.

Durante a ação criminosa, o policial conseguiu alvejar um dos dois suspeitos, que empreenderam fuga. Logo depois, o assaltante baleado Edilson Moreira foi detido nas proximidades do local do crime. Já Gleydson Nascimento foi preso horas depois.

O policial civil, baleado na virilha, foi socorrido até o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e apesar dos ferimentos não corre maiores riscos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Juiz nega liberdade a acusados de tentar matar policial em Teresina

Suspeito de tentar matar policial do DHPP é preso novamente

Acusado de atirar em policial do DHPP é solto por engano

Policial do DHPP é baleado durante tentativa de assalto em Teresina