Parnaíba - PI

Juíza determina que Correia Lima cumpra pena em regime semiaberto

O ex-coronel está preso desde 08 de outubro de 1999 e possuía direito a progressão para o regime semiaberto desde o dia 06 de setembro deste ano, pois cumpriu o total de 1/6 de sua pena.

Davi Fernandes
Teresina
09/09/2020 18h13 - atualizado 18h28

A juíza Maria do Perpétuo Socorro Ivani Vasconcelos, da 1ª Vara Criminal da Comarca de Parnaíba, concedeu nesta quinta-feira (09) a progressão para regime semiaberto ao ex-coronel da Polícia Militar José Viriato Correia Lima, apontado como chefe do crime organizado no Piauí.

O ex-coronel está preso desde 08 de outubro de 1999 e possuía direito a progressão para o regime semiaberto desde o dia 06 de setembro deste ano, pois cumpriu o total de 1/6 de sua pena (21 anos, 7 meses e 10 dias).

Em agosto deste ano, a magistrada determinou que Correia Lima fosse submetido a “exame criminológico” para obter a progressão de regime. Na decisão de hoje foi destacado que o ex-coronel “apresenta boa conduta, demonstrando capacidade para criar e manter vínculos afetivos, tendo bom relacionamento com colegas e mantendo respeito a funcionários da unidade penal. Encontra-se num estado psicológico normal, com juízo crítico de realidade dentro do curso da normalidade, com algumas variações de humor, o que pode ser considerado aceitável considerando a realidade vivenciada pelo mesmo”.

Ainda segundo os autos, Correia Lima apresenta estado mental dentro da normalidade, podendo ser reinserido a sociedade, pois no período em que esteve preso, apresentou boa conduta, não ferindo as normas internas do sistema prisional.

“O estado mental do reeducando encontra-se dentro da normalidade, não havendo mudanças de consciência, sem alucinações ou delírios. Deduz-se que a possibilidade de reinserção a sociedade é possível, por se tratar de pessoa que não há sistema prisional apresentando boa conduta, não ferindo normas internas”, ressaltou.

Com a decisão, a juíza determinou que Correia Lima cumpra o resto de sua pena na Colônia Agrícola Major César, que é o estabelecimento prisional destinado apenas em regime semiaberto no Piauí.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Juíza decide que Correia Lima será submetido a exame criminológico

STJ nega pedido do ex-coronel Correia Lima para cumprir pena em casa

Correia Lima cita o caso Queiroz e pede ao STJ para cumprir pena em casa

Defesa de Correia Lima acredita na concessão da prisão domiciliar