Piauí

Lucas Villa afirma que quer fazer uma gestão aberta na OAB Piauí

Em entrevista ao GP1, o candidato afirmou que o fato de estar atualmente na vice-presidência da OAB-PI faz com que ele tenha muito mais conhecimento sobre os trabalhos que estão sendo realizados.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Débora Dayllin
Teresina
24/11/2018 11h46 - atualizado 13h08

Neste sábado (24) está sendo realizada a eleição para a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) secção Piauí. Um dos concorrentes à presidência estadual é o advogado Lucas Villa que concorre na Chapa 1, que tem ainda como candidata a vice-presidente a advogada Naiara Moraes.

Em entrevista ao GP1, o candidato afirmou que o fato de estar atualmente na vice-presidência da OAB-PI faz com que ele tenha muito mais conhecimento sobre os trabalhos que estão sendo realizados. Ele afirmou que entende as dificuldades que a categoria passa e que pretende fazer uma gestão aberta.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Lucas Villa e Naiara MoraesLucas Villa e Naiara Moraes

“Sou advogado há 13 anos, conheço e sei o que é viver de honorários advocatícios, participei de uma gestão que foi absolutamente aberta e inclusiva, que realizou muitos avanços para a advocacia no Piauí, conheço a OAB por dentro e por fora e entendo que estamos preparados para essa batalha, não só eu, mas todo o grupo que está conosco nessa chapa 1 e todos os nossos correligionários que querem uma gestão aberta, democrática e plural”, defendeu.

A eleição ainda tem a participação de mais duas chapas. A Chapa 2 é encabeçada pelo advogado Carlos Henrique, como presidente e Daniela Freitas, vice-presidente. A Chapa 4, que agora se uniu a chapa 3 de Geórgia Nunes, tem o nome do advogado Celso Barros Neto, como presidente e a advogada Aline Patrício, vice.

A votação se encerra às 17h, e a classe elegerá representantes da Diretoria do Conselho Seccional, de Conselheiros Seccionais, de Conselheiros Federais, da Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados, das Diretorias das Subseções e Conselhos de Subseções para o próximo triênio 2019/2021.

Mais conteúdo sobre: