Teresina - PI

Mãe pede ajuda para adolescente com paralisia cerebral em Teresina

Com paralisia cerebral, a menina está internada no Hospital Infantil Lucídio Portela, onde se recupera após ter contraído covid-19 e agora sofre com algumas sequelas.

Thais Guimarães
Teresina
24/09/2020 20h41 - atualizado 20h41

A adolescente Joyciane Sousa tem apenas 15 anos de vida e já trava uma grande batalha: com paralisia cerebral, ela está internada há 12 dias no Hospital Infantil Lucídio Portela, onde se recupera após ter contraído covid-19 (coronavírus) e agora sofre com algumas sequelas.

O GP1 conversou com a mãe da menina, a senhora Reijane Sousa, que explicou a real situação que vem enfrentando. “O maior problema da Joyciane agora é que ela pegou covid-19 e emagreceu, está correndo risco de vida. Tive que trazer as pressas para o Hospital Infantil, ela está desnutrida”, relatou.

  • Foto: Reprodução/InstagramJoyciane SousaJoyciane Sousa

Por conta de seu quadro de saúde, Joyciane não poderá mais se alimentar normalmente, sendo necessária a aplicação de uma sonda em seu estômago. “O médico disse que ela vai ficar internada para colocar uma sonda para se alimentar, mas precisa ganhar peso para fazer a cirurgia”, explicou a mãe.

Ainda segundo a dona Reijane, a filha está precisando de fraldas (tamanho G), produtos de higiene, como óleo de girassol, hidratante, sabonete líquido e pomada para assadura, uma vez que ela também sofre de dermatite atópica.

Quem puder e sentir vontade de ajudar, pode entrar em contado com a mãe de Joyciane através deste número de telefone: 86 9 8829-9375.