Eleições 2018

Mainha perdeu quarta eleição seguida para deputado federal

Além das quatro derrotas para a Câmara Federal Mainha também perdeu a disputa para prefeito de Itainópolis em 2012.

José Maria Barros
Picos
10/10/2018 20h41 - atualizado 20h45

Campeão em arrecadação no Piauí com R$ 2.450.268,00, o candidato a deputado federal José de Andrade Maia Filho, o Mainha (PP), mais uma vez não logrou êxito nas urnas. No pleito do último domingo, 7 de outubro, ele obteve 61.132 votos, equivalente a 3,42% dos votos válidos e ficou na terceira suplência da coligação “A vitória com a força do povo II”, formada por PT, PP, MDB, PTB, PCdoB, PR, PDT e PSD.

Esta foi à quarta derrota seguida de Mainha em busca de uma vaga na Câmara Federal. Nas eleições de 2012, quando ainda era filiado ao DEM, também foi derrotado na disputa pela prefeitura de Itainópolis. O eleito foi Paulo Lopes Moreira (PDT), que venceu com uma diferença de 1.059 votos. Sendo assim, a derrota de Mainha no último domingo foi à quinta consecutiva de 2006 para cá.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Mainha perde quarta eleição consecutiva para deputado federalMainha perde quarta eleição consecutiva para deputado federal

Disputas

Na época filiado ao PFL Mainha disputou uma eleição para a Câmara dos Deputados pela primeira vez em 2006. Obteve 72.092 votos, equivalente a 4,46% dos votos válidos e ficou na primeira suplência da sua coligação.

Em razão da morte do deputado Mussa Demes (PFL), Mainha assumiu o mandato de deputado federal no dia 10 de novembro de 2008. Em 2010 tentou a reeleição, porém, mais uma vez não logrou êxito nas urnas. Naquele pleito, já filiado ao DEM, conquistou 89.940 votos, percentual de 6,03% dos votos válidos, ficando na primeira suplência da sua coligação.

Em 2012 Mainha, que já tinha sido prefeito de Itainópolis por dois mandatos, tentou retornar ao comando do município, mas fora derrotado por Paulo Lopes Moreira (PDT) que venceu a disputa com 3.929 votos, contra 2.870, diferença de 1.059 votos.

Já nas eleições de 2014 Mainha disputou pela terceira vez uma cadeira na Câmara Federal pelo Solidariedade e novamente não foi eleito. Conseguiu 30.419 votos, equivalente a 1,75% dos votos válidos e novamente ficou na suplência.

No pleito do último domingo, 7 de outubro, Mainha sofreu a quarta derrota consecutiva para a Câmara Federal. Conquistou 61.132 votos, percentual de 3,42% dos votos válidos e ficou na terceira suplência da coligação “A vitória com a força do povo II”.

Mais conteúdo sobre: