Coronavírus no Piauí

Mais de 96% dos infectados pela covid-19 no Piauí estão curados, diz Sesapi

Segundo o painel epidemiológico da Sesapi, das 80.750 pessoas que já contraíram coronavírus, no Piauí desde o início da pandemia, 78.268 já se recuperaram.

Thais Guimarães
Teresina
03/09/2020 21h21 - atualizado 21h22

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) divulgou mais um boletim epidemiológico na noite desta quinta-feira (03), atualizando a situação do novo coronavírus no Piauí e informando que o estado já possui 80.750 casos confirmados de covid-19 e 1.868 óbitos provocados pela doença. A boa notícia é que, do total de piauienses que já contraíram o vírus desde o início da pandemia, quase 97% já estão curados.

Conforme os dados apurados diariamente pela Sesapi, das 80.750 pessoas que já contraíram covid-19 no Piauí, 78.268 se recuperaram. Esse número inclui tanto aquelas que chegaram a ser internadas e tiveram alta, como as que se trataram em isolamento domiciliar. O total de curados corresponde 96,92% da quantidade de casos confirmados registrados desde o início da pandemia.

Já em relação aos casos ativos, a Sesapi aponta que 614 pessoas ainda seguem infectadas pelo novo coronavírus no Piauí. Esse resultado leva em consideração o número total de casos confirmados, descartando o número de curados e de óbitos.

Covid-19 no Piauí

De acordo com o último boletim epidemiológico da Sesapi, divulgado na noite desta quinta-feira (03), o número de mortes por covid-19 no Piauí subiu de 1.855 para 1.868, e a quantidade de casos confirmados passou de 79.719 para 80.750. Foram 1.031 novos casos registrados e 13 óbitos nas últimas 24 horas, conforme a Sesapi.

Situação diária de internações

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 614 ocupados, sendo 368 leitos clínicos, 237 UTIs e 9 leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 3.577 até o dia três de setembro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Brasil já possui 3.247.610 pessoas curadas do novo coronavírus

Piauí registra 1.868 mortes e 80.750 casos confirmados de covid-19

Mais conteúdo sobre: