Teresina - PI

Médicos paralisam atividades pela sexta vez em Teresina

Todos os atendimentos eletivos foram suspensos, e apenas 30% dos serviços de urgência estão funcionando.

Laura Moura
Teresina
25/06/2018 10h46 - atualizado 10h50

Os médicos municipais de Teresina paralisaram suas atividades nesta segunda-feira (25). A decisão foi tomada na última assembleia realizada pelo Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí. Esta é a sexta paralisação de advertência organizada pela categoria.

  • Foto: Divulgação/AscomMédicos paralisam atividadesMédicos paralisam atividades

Em entrevista ao GP1, o vice-presidente do SIMEPI, Renato Leal, comentou que, até o momento, a Prefeitura de Teresina continua sem se posicionar sobre as reivindicações dos profissionais. “Não existem condições de trabalho para os médicos, há falta de insumos básicos e de equipamentos mínimos para que o profissional possa desempenhar sua função. Há também falta de segurança, pois ontem mesmo um paciente quebrou a recepção no posto da Santa Maria da Codipi”, revelou.

A paralisação vai acontecer até nesta terça-feira (26). Todos os atendimentos eletivos foram suspensos, e apenas 30% dos serviços de urgência estão funcionando. Na noite de amanhã, será realizada uma nova assembleia para decidir os próximos passos do movimento da categoria.

Mais conteúdo sobre: