Teresina - PI

Ministros do STJ recebem colar do Mérito Judiciário no TJ-PI

Os ministros do STJ Benedito Gonçalves e Raúl Araújo Filho, além do desembargador federal, Kássio Nunes e o CEO da Oi Telecomunicações, Eurico Neto, foram homenageados na solenidade.

Jonas Carvalho
Teresina
Bárbara Rodrigues
Teresina
Nayrana Meireles
Teresina
Germana Chaves
Teresina
17/06/2019 11h19 - atualizado 13h11

TJ-PI promove entrega da comenda Colar do Mérito Judiciário

Na manhã desta segunda-feira (17), o Tribunal de Justiça do Piauí promoveu a cerimônia de outorga da comenda Colar do Mérito Judiciário aos ministros do Superior Tribunal de Justiça Benedito Gonçalves e Raúl Araújo Filho, além do desembargador federal e vice-presidente do Tribunal Regional Federal da 1.ª Região, Kássio Nunes Marques e do CEO da Oi Telecomunicações, Eurico de Jesus Teles Neto.

Para o presidente do TJ-PI, Sebastião Ribeiro Martins, “é motivo de muita honra e satisfação eu, como presidente do Tribunal de Justiça, homenagear quatro grandes personalidades do nosso país. O colar do Mérito Judiciário é a medalha mais importante do tribunal. Existe uma comissão do colar, que é composta pelo presidente do tribunal e pelos dois mais antigos membros do Tribunal de Justiça. A comissão se reúne, uma vez por ano ou em caráter extraordinário, para homenagear as pessoas que prestam serviços a justiça do Brasil e piauiense”, explicou.

O ato solene aconteceu no Auditório Pleno do Palácio da Justiça (3° andar), em Teresina. Também presente na solenidade, o governador Wellington Dias (PT) revelou satisfação em poder homenagear as personalidades que, segundo o governador, direcionam atenção especial ‘pelos temas do Piauí’.

“É uma alegria aqui hoje a gente ter aqui tanto o ministro Benedito, o ministro Raul e o nosso conterrâneo Cássio Marques aqui sendo homenageado. São pessoas que tem um carinho muito especial, uma atenção muito especial pelos temas do Piauí. No caso do Ministro Benedito através da esposa, que nasceu em Parnaíba, tem laços com o estado do Piauí e para mim é uma satisfação poder partilhar aqui desse momento de homenagem tanto no TJ como na Assembleia Legislativa”, completou.

O Ministro Raúl Araújo Filho valorizou o reconhecimento do serviço prestado ao Piauí e reiterou fazer parte de ‘um único povo’ por pertencer ao estado vizinho Ceará e formar um ‘permanente abraço’ com a região piauiense.

“Eu fico muito feliz em estar na bela capital do estado do Piauí, Teresina, para receber essa homenagem que vem do Tribunal de Justiça do Piauí, é sempre muito bom ver que temos o nosso trabalho reconhecido de alguma maneira. Do Tribunal do Estado do Piauí, me toca muito particularmente de uma forma especial porque o meu estado natal, Ceará, e o estado do Piauí são irmãos, ligados por inúmeros laços culturais, históricos, geográficos, vivemos num permanente abraço, formamos um único povo. Essa alegria pra mim se faz de forma especial porque como cearense sou muito ligado fraternalmente e sentimentalmente ao estado do Piauí", declarou.

A honraria é concedida a autoridades que prestaram contribuições relevantes ao Poder Judiciário piauiense. Pela Resolução nº 15/1994, que normatiza a outorga do Colar do Mérito Judiciário, os agraciados devem ser “pessoas físicas ou jurídicas, nacionais ou estrangeiras, que tenham prestado relevantes serviços à cultura jurídica ou à Justiça de modo geral”.