São Francisco do Piauí - PI

MP pede providências a Antônio de Lú sobre matadouro público

“Compete ao Ministério Público expedir recomendações visando à proteção de interesses difusos e coletivos, bem como ao respeito aos interesses", disse o promotor.

Bárbara Rodrigues
Teresina
06/07/2018 17h11 - atualizado 17h11

O promotor Marcondes Pereira de Oliveira, do Ministério Público do Estado, expediu recomendação ao prefeito de São Francisco do Piauí, Antônio de Lú, para que sejam tomadas as providências para a regularização do Matadouro Público.

Marcondes explicou que “a Adapi representou a esta Promotoria de Justiça comunicando o abate clandestino de animais, constatando que esta municipalidade não dispõe de matadouro público, médico veterinário e lei de inspeção municipal” e que “ainda há o abate de animais de forma clandestina”.

  • Foto: Facebook/Antonio de LúAntonio de LúAntonio de Lú

Ele então pediu que o prefeito tome medidas em relação ao assunto e que seja realizada audiência pública ou sejam tomadas medidas para informar a população sobre proibição em relação ao abate clandestino e que deve ser usado o matadouro da cidade mais próxima.

“Compete ao Ministério Público expedir recomendações visando à proteção de interesses difusos e coletivos, bem como ao respeito aos interesses, direitos e bens cuja defesa lhe cabe promover, fixando prazo razoável para a adoção das providências cabíveis”, afirmou. A recomendação foi publicada no Diário do MP do dia 6 de julho.