Parnaíba - PI

MP realiza fiscalização em estabelecimentos de Parnaíba

Conforme a Promotoria de Justiça de Parnaíba, a operação foi realizada após a população de Parnaíba realizar várias denúncias em relação ao preço do combustível nos postos da cidade.

Davi Fernandes
Teresina
10/01/2019 20h20 - atualizado 21h09

O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) Itinerante e da 2ª Promotoria de Justiça de Parnaíba, deflagrou nesta quinta-feira (10) uma operação com o objetivo de fiscalizar se estabelecimentos estavam respeitando o direito do consumidor. A ação percorreu os postos de combustíveis, farmácias, cooperativas de táxi e instituições financeiras do município de Parnaíba.

A operação foi coordenada pelo promotor Cristiano Peixoto, da 2ª Promotoria de Justiça de Parnaíba e foi realizada após a população de Parnaíba fazer várias denúncias em relação ao preço do combustível nos postos da cidade. Até o momento, cerca de 40 postos foram notificados devido a cobrança abusiva de preços.

Nos bancos, o Ministério Público apurou a demora nas filas. Durantes os próximos dias, será fiscalizada a presença de farmacêuticos nos estabelecimentos de Parnaíba e o uso do taxímetro pelos motoristas de táxi. Toda a ação realizada hoje foi acompanhada pelo Procon municipal.

O Procon Itinerante tem sede em Teresina, mas atua em todo o Piauí realizando ações voltadas para o direito do consumidor.