Picos - PI

Nerinho afirma que é pré-candidato a prefeito de Picos em 2020

“Sou pré-candidato. Lá temos bons nomes, mas o candidato das oposições é o que tiver na melhor posição [nas pesquisas]”, afirmou o parlamentar.

Wanessa Gommes
Teresina
Germana Chaves
Teresina
Andressa Martins
Teresina
12/09/2019 08h26 - atualizado 08h28

O deputado estadual Nerinho (PTB) conversou com GP1, nesta quarta-feira (11), e afirmou que é pré-candidato a prefeito em Picos, nas eleições de 2020. Ele disse ainda que a oposição tem outros nomes e que a escolha será feita baseada em pesquisas.

“Sou pré-candidato. Lá temos bons nomes. Tem o empresário Jonim, que é pré-candidato, indicado pelo coronel Carlos Augusto, Júnior Nobre, que votou no Georgiano Neto, o empresário Júlio Alves, tem o nosso nome, tem o nome do ex-prefeito Gil Paraibano. Todos são bons nomes, mas o candidato das oposições é o que tiver na melhor posição [nas pesquisas]”, afirmou.

  • Foto: Lucas Dias/GP1NerinhoNerinho

A oposição vai enfrentar a candidata do prefeito Padre Walmir, que deve Maria Santana, diretora do Cento de Especialidades Médicas de Picos, mais conhecido como Policlínica.

Empréstimo ao Governo

Questionado se conhecia o Banco Brasil Plural que vai emprestar R$ 2 bilhões ao Governo do Estado, o deputado respondeu que não. “Não conheço o Banco Brasil Plural, sei que é um banco que vai emprestar com juros menor e tempo maior”.

“Se você for comprar um carro aí na GM que é um banco oficial, tem que ser em 4 anos e o juros é 2%, aí em uma concessionária que não é uma autorizada tem um carro zero com uma taxa de 1% para pagar em 8 anos, tu vai comprar na GM?”, exemplificou.

Ainda de acordo com o deputado, o governo está fazendo um contrato e vai cumprir. “Ele não só é um banco pactual, tem várias cartas-proposta. Ele vai escolher aquela que tem o melhor prazo e o menor juros”, afirmou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Osmar diz que Wellington conta com deputados para aprovar empréstimos

Governo encaminha para Alepi pedido para empréstimo de R$ 2 bilhões