Piauí

Piauí é o estado mais seguro do Norte e Nordeste, aponta pesquisa

A publicação traz o Piauí como o mais seguro entre as regiões Norte e Nordeste, e com a sexta menor taxa de mortes violentas intencionais do país.

Fábio Wellington
Teresina
10/09/2019 19h49 - atualizado 20h45

O 13º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nesta terça-feira (10), traz dados positivos para a segurança do estado do Piauí. A publicação traz o Piauí como o mais seguro entre as regiões Norte e Nordeste, e com a sexta menor taxa de mortes violentas intencionais do país (18,9 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes).

Em entrevista ao GP1, na tarde desta terça-feira (10), o secretário estadual de Segurança Pública do Piauí, Fábio Abreu, disse que o foco número um da sua gestão é evitar que novas mortes e outros tipos de crimes aconteçam.

“No início do nosso trabalho, em 2014, o Piauí tinha uma taxa de 23 assassinatos por 100 mil habitantes, já em 2015 baixou para 20,8, isso representa uma queda de 17% nos últimos quatro anos", ressaltou Fábio Abreu.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Fábio AbreuFábio Abreu

Para o secretário, os índices de crimes no estado vão cair ainda mais, por conta dos investimentos em Segurança Pública que estão sendo realizados. “Além das viaturas nas ruas, todos os batalhões disponibilizam agora de um número de Whatsapp para que o cidadão possa fazer sua denúncia, e assim a PM chegar mais rápido às ocorrências,” explicou Fábio Abreu.

Ainda segundo Abreu, além do aplicativo “Salve Maria”, que dá uma segurança a mais a mulher que venha a ser vítima de violência doméstica, recentemente foi lançado um programa de combate a roubos, e em breve mais outros dois aplicativos serão lançados. São eles o “Protege Celular”, que vai facilitar a recuperação de aparelhos roubados e o App “Iara”, com o objetivo de identificar e localizar foragidos da Justiça.