Política

Prefeito Firmino diz que prisão do filho é "questão familiar"

Segundo a assessoria, o prefeito “não vai se pronunciar sobre o ocorrido, pois trata-se de uma questão pessoal e familiar”.

Wanessa Gommes
Teresina
09/05/2019 19h46 - atualizado 19h47

O prefeito Firmino Filho, através da assessoria de comunicação, informou, na noite desta quinta-feira (09), que não vai se pronunciar sobre a prisão do seu filho, Bruno Silveira, pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) do posto de Piripiri.

Segundo a assessoria, o prefeito “não vai se pronunciar sobre o ocorrido, pois trata-se de uma questão pessoal e familiar”.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Firmino Filho Firmino Filho

A prisão

Bruno Silveira foi preso, no final desta manhã, por policiais da Polícia Rodoviária Federal, na BR 343, entre as cidades de Capitão de Campos e Piripiri, região norte do estado.

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal estava em busca de um veículo modelo Hilux, suspeito de dar fuga a um dos assaltantes dos bancos de Campo Maior, quando se deparou com um Jeep Renegade estacionado no acostamento na BR 343. Ao tentar abordar o condutor, ele empreendeu fuga e logo mais à frente acabou sendo interceptado pelos policiais.

De acordo com a PRF, ao ser abordado, verificou-se que Bruno Silveira estava em visível estado de embriaguez e no interior do veículo havia uma garrafa de cerveja, além de remédio de uso controlado.

O caso foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Piripiri, onde ele foi autuado por desobediência, ameaça e embriaguez. A autoridade policial deverá arbitrar fiança.

NOTÍCIA RELACIONADA

Filho do prefeito Firmino Filho é preso pela PRF na BR 343

Mais conteúdo sobre: