Francinópolis - PI

Prefeito Paulo César firma TAC para melhorar abastecimento de água

A promotora Francisca Reis explicou que foi realizada uma vistoria técnica no abastecimento público de água de Francinópolis e foram coletadas amostras que posteriormente foram analisadas.

Bárbara Rodrigues
Teresina
16/10/2018 14h33 - atualizado 14h34

O prefeito de Francinópolis, Paulo César Rodrigues de Morais, firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Estado, onde se comprometeu a melhorar a qualidade do abastecimento de água do município. Em caso de descumprimento, ele terá que pagar multa diária de R$ 1 mil.

A promotora Francisca Reis explicou que foi realizada uma vistoria técnica no abastecimento público de água de Francinópolis e foram coletadas amostras que posteriormente foram analisadas. “Das 5 amostras analisadas de responsabilidade da Prefeitura Municipal, todas elas apresentaram os parâmetros cloro residual livre, coliformes totais e Escherichia Coli impróprio para potabilidade para consumo humano”, explicou a promotora.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Prefeito Francinópolis, Paulo CésarPrefeito Francinópolis, Paulo César

Foi então firmando um TAC para que essa situação seja regularizada. O prefeito Paulo César se comprometeu a exercer a vigilância da qualidade da água em sua área de competência, em articulação com os responsáveis pelo controle da qualidade da água para consumo humano.

O prefeito ainda assumiu a “obrigação de incluir no contrato com a empresa contratada para a limpeza dos reservatórios públicos, o serviço de um profissional de química, com o objetivo de que este preste orientações acerca da melhoria do sistema de tratamento de água distribuída no município, encaminhando ao Ministério Público o nome do profissional e seu registro no Conselho Regional de Química”.