Teresina - PI

Robert Lavor vai ouvir testemunhas do latrocínio de Macelo Henrique

Macelo Henrique, de 43 anos, foi assassinado durante um assalto na frente do próprio estabelecimento, localizado na Avenida Gil Martins.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Brunno Suênio
Teresina
10/07/2018 10h27 - atualizado 11h51

O delegado Robert Lavor, que vai presidir o inquérito sobre o assassinato do proprietário da academia Medley, Macelo Henrique Amorim da Silva, afirmou ao GP1 que irá começar a ouvir as testemunhas do crime nesta terça-feira (10). Ele comentou que a polícia trabalha para conseguir identificar o assassino.

Macelo Henrique, de 43 anos, foi assassinado durante um assalto na frente do próprio estabelecimento, localizado na Avenida Gil Martins, na tarde de segunda-feira (09) no bairro Tabuleta, na zona sul de Teresina. Robert Lavor, do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa, informou que as imagens de câmeras de segurança vão ajudar a identificar o acusado.

  • Foto: Instagram/Macelo HenriqueMacelo HenriqueMacelo Henrique

Um vídeo que mostra o suspeito pelo crime chegou a ser divulgado ontem, mas o delegado explicou que é necessário coletar mais informações para confirmar quem foi o autor do disparo e se ele estava realmente sozinho.

“Desde ontem que estamos tentando colher as melhores imagens possíveis para que a gente possa fazer um perfil para divulgar, para ver se a população reconhece e denuncia de quem é esse indivíduo, que se aproxima da vítima. A gente está fazendo um trabalho de junção de imagens. Às vezes, uma imagem isolada dá um indício, mas as imagens em conjunto te dá a certeza de que ele é o autor do delito. Então temos que tomar cuidado na divulgação das imagens”, afirmou.

  • Foto: Brunno Suênio/GP1Delegado Robert LavorDelegado Robert Lavor

Ele destacou que vai começar a ouvir as testemunhas para entender como o crime aconteceu. “A gente ainda não tem como dizer [se o acusado estava sozinho], só com a oitiva das testemunhas é que a gente vai poder dizer. No momento, só sabe que ele foi morto com um disparo de arma de fogo. Com a instauração do inquérito policial, a partir de hoje, vamos começar a ouvir as testemunhas”, explicou.

O carro do empresário que foi levado pelo assassino, foi localizado em uma estrada vicinal no residencial Orgulho do Piauí, na zona sul de Teresina, nessa segunda-feira. “Com o encontro do veículo, a gente requisita a perícia para confirmar se realmente é da vítima. O local em que ele foi abandonado também tem interesse para a própria investigação, no sentido de traçar uma rota em si”, finalizou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Carro do dono da academia Medley é encontrado incendiado em Teresina

Amigos lamentam a morte do dono da Medley Academia em assalto

Câmera flagra suspeito de matar dono da Medley Academia

Dono da academia Medley é assassinado durante assalto em Teresina