Política

Saiba como votaram senadores do Piauí em projeto de abuso de autoridade

O projeto que criminaliza o abuso de autoridade e prevê a possibilidade de punição a juízes e investigadores foi aprovado no Senado.

Andressa Martins
Teresina
27/06/2019 14h28 - atualizado 15h31

Na última quarta-feira (26) o Senado Federal aprovou um projeto que criminaliza o abuso de autoridade e prevê a possibilidade de punição a juízes e investigadores. O texto ainda vai ser votado pela Câmara dos Deputados.

O senador Ciro Nogueira (Progressistas) e o senador Marcelo Castro (MDB) votaram a favor do Projeto de Lei e o senador Elmano Férrer (Podemos) votou contra. O projeto estava parado no Senado há dois anos e havia sido aprovada apenas na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

  • Foto: GP1Marcelo Castro, Elmano Férrer e Ciro NogueiraMarcelo Castro, Elmano Férrer e Ciro Nogueira

Confira como votou cada senador:

Favoráveis à punição do abuso

Acir Gurgacz (PDT-AC)

Angelo Coronel (PSD-BA)

Antonio Anastasia (PSDB-MG)

Carlos Viana (PSD-MG)

Chico Rodrigues (DEM-RR)

Cid Gomes (PDT-CE)

Ciro Nogueira (PP-PI)

Confúcio Moura (MDB-RO)

Daniella Ribeiro (PP-PB)

Eduardo Braga (MDB-AM)

Eduardo Gomes (MDB-TO)

Eliziane Gama (Cidadania-MA)

Fernando Coelho (MDB-PE)

Flávio Bolsonaro (PSL-RJ)

Humberto Costa (PT-PE)

iRAJÁ (PSD-TO)

Izalci Lucas (PSDB-DF)

Jader Barbalho (MDB-PA)

Jaques Wagner (PT-BA)

Jarbas Vasconcelos (MDB-PE)

Jayme Campos (DEM-MT)

Jean Paul Prates (PT-RN)

José Serra (PSDB-SP)

Kátia Abreu (PDT-TO)

Lucas Barreto (PSD-AP)

Luiz do Carmo (MDB-GO)

Mara Gabrilli (PSDB-SP)

Marcelo Castro (MDB-PI)

Marcio Bittar (MDB-AC)

Marcos Rogério (DEM-RO)

Mecias de Jesus (PRB-RR)

Nelsinho Trad (PSD-MS)

Omar Azis (PSD-AM)

Otto Alencar (Podemos-PR)

Paulo Paim (PT-RS)

Paulo Rocha (PT-PA)

Renilde Bulhões (PROS-AL)

Roberto Rocha (PSDB-MA)

Rodrigo Pacheco (DEM-MG)

Rogério Carvalho (PT-SE)

Romário (Podemos-RJ)

Sérgio Petecão (PSD-AC)

Simone Tebet (MDB-MS)

Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Wellington Fagundes (PL-MT)

Weverton (PDT-MA)

Zenaide Maia (PROS-RN)

Zequinha Marinho (PSC-PA)

Contrários à punição

Alessandro Vieira (Cidadania-SE)

Alvaro Dias (Podemos-PR)

Arolde Oliveira (PSD-RJ)

Eduardo Girão (Podemos-CE)

Elmano Férrer (Podemos-PI)

Esperidião Amin (PP-SC)

Fabiano Contarato (Rede-ES)

Flávio Arns (Rede-PR)

Jorge Kajuru (PSB-GO)

Jorginho Mello (PL-SC)

Juiza Selma (PSL-MT)

Lasier Martins (Podemos-RS)

Leila Barros (PSB-DF)

Luis Carlos Heinze (PP-RS)

Major Olimpio (PSL-SP)

Marcos do Val (Cidadania-ES)

Oriovisto Guimarães (Podemos-PR)

Plinio Valério (PSDB-AM)

Randolfe Rodrigues (Rede-AP)

Reguffe (Sem partido/DF)

Rodrigo Cunha (PSDB-AL)

Rose de Freitas (Podemos-ES)

Soraya Thronicke (PSL-MS)

Styvenson Valentin (Podemos-RN)